Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

24horas Santa Bárbara d´Oeste

Ninho Musical terá encontros online

Projeto Ninho Musical, que completa 10 anos de atividades em 2020, será online

Desde o início das recomendações de Distanciamento Social, o Projeto Ninho Musical teve suas aulas presenciais suspensas, que acontecem às terças-feiras e sábados na Estação Cultural da Fundação Romi. Para não comprometer a metodologia o maestro Paulo Bellan, coordenador pedagógico, irá realizar encontros virtuais, através de plataformas online, com os alunos regularmente matriculados.

 

A iniciativa visa à continuidade dos estudos.  “Teremos vídeos aulas semanais. Através de desafios e conteúdos elaborados por mim, os alunos terão oportunidade em dar sequencia em seus saberes, tanto na parte teórica e quanto na prática instrumental”, conta o maestro Paulo Bellan. “Também realizaremos vídeos conferências semanais. Os alunos gravarão vídeos de seus momentos de estudo e prática, mostrando seus avanços”, finaliza.

 

Para o superintendente da Fundação Romi, Vainer Penatti, esta dedicação do maestro em manter o projeto ativo, de forma online, dá sequência ao trabalho que vem sendo realizado.    “ Em 2020 comemoramos 10 anos de atividades do Projeto Ninho Musical. Esperamos, assim que tudo esta situação passar, voltar ativamente aos trabalhos, já pensando em ações comemorativas, que foram planejadas para este ano”, afirma.

 

Realizado desde 2010 e tendo beneficiado mais de 1.000 pessoas, das quais muitas seguiram a profissionalização musical, outras despertaram-se para a arte das apresentações, outras ainda se satisfizeram em seus núcleos comunitários como instrumentistas, o projeto Ninho Musical vem se consolidando como importante mecanismo de promoção social através da música. Conta com o apoio cultural da Prefeitura Municipal de Santa Bárbara d’Oeste por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, e é uma iniciativa da Fundação Romi.

 

Sob a coordenação do maestro Paulo Bellan, nos encontros os alunos aprendem desde teoria musical até práticas de instrumentos, cuidados e afinação, leitura e interpretação de partituras e compreensão de regência. Gratuito, por meio de aulas teóricas e práticas, os alunos, quer tenham vivência ou sejam iniciantes, são inseridos no universo da música instrumental por meio de desafios, onde o aluno que sabe mais dá suporte ao que sabe menos, e a construção do conhecimento acontece de forma vivencial.

 

 

Sobre a Estação Cultural

 

Inaugurada em 2007, a Estação Cultural ocupa a centenária estação ferroviária de Santa Bárbara d´Oeste, revitalizada e mantida pela Fundação Romi. Em sua trajetória aproximadamente 200 mil pessoas já foram beneficiadas, gratuitamente, por meio de oficinas livres, culturais e de formação, projetos de fomento à economia criativa, de elevação do status cultural e de ações socioeducativas. A Estação Cultural é um lugar de encontros plurais e multiculturais onde a comunidade pode aprimorar a sua percepção acerca da cultura local e regional, divulgar valores, trocar vivências, adquirir conhecimentos, experimentar emoções, elaborar pensamentos, tomar iniciativas e ajudar a constituir a identidade cultural da cidade e região. A Estação Cultural da Fundação Romi está localizada na Avenida Tiradentes, 02, no Centro de Santa Bárbara d´Oeste, SP. (19) 3455-4833 ou 3455-4830. www.estacaocultural.org.br.

 

Sobre a Fundação Romi

 

Seu legado iniciou em 1957, em Santa Bárbara d’Oeste, pelo casal Américo Emílio Romi e Olímpia Gelli Romi. Tendo como missão promover o desenvolvimento social e humano através da educação e cultura, a Fundação Romi é pioneira na promoção da comunidade regional e na realização de ações sociais, beneficiando mais de 30 mil pessoas, por ano, através de seus dois grandes eixos: Educação e Cultura. Mantenedora do Núcleo de Educação Integrada, sua escola de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio, oportuniza a formação integral, autônoma e protagonista de crianças, adolescentes e jovens. Além disso, promove, por meio de seu Centro de Documentação Histórica, projetos de educação patrimonial para crianças do Ensino Fundamental I, para reconhecimento e conhecimento da história local como elemento de cultura e cidadania. Somado a isso, seu Centro de Documentação Histórica também realiza o Processamento Técnico da memória do município para guarda, preservação e disponibilização do acervo à população para consulta e pesquisa. Dentre as unidades da Fundação Romi também está a Estação Cultural de Santa Bárbara d´Oeste que, por meio de oficinas livres, culturais e de formação, projetos de fomento à economia criativa, de elevação do status cultural e de ações socioeducativas atende milhares de pessoas por ano. A Fundação Romi está localizado à Avenida João Ometto, 200, Jd. Panambi, em Santa Bárbara d´Oeste. (19) 3499-1555. www.fundacaoromi.org.br.