fbpx

Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Moradores do Jóias de Santa Barbara reclamam de contas de água e luz altíssimas

Moradores do Condomínio Ágatha, localizado dentro do Conjunto Jóias de Santa Bárbara estão reclamando dos altos valores que estão chegando nas contas de água e luz do condomínio. Segundo um dos moradores que entraram em contato com nossa reportagem, eles estão passando por sérios problemas com cobranças absurdas no valor da água e força, segundo o mesmo, DAE e a CPFL dizem que os valores estão normais.

Condôminos estão pagando cerca de R$200,00 de força sendo que só ficam em seus apartamentos no período da noite, quando chegam do trabalho. Água estão pagando entre 90,00 e 120,00 reais, sendo que a média era de R$ 50,00 reais mensais. Segundo o morador do Condomínio Ágatha, praticamente todos os moradores estão reclamando dos valores.

“O síndico do Ágatha já foi até o DAE e eles falam que está tudo normal! Tem alguma coisa errada não é possível” comentou o morador do Ágatha

Os moradores estão se organizando e irão chamar profissionais especializados para fazerem uma inspeção no local para constatar possíveis irregularidades.

 

Á água na cidade de Santa Bárbara d´Oeste teve um grande aumento no mês de junho quando a Agência Reguladora reajustou os atuais valores das tarifas de água e esgoto praticados pelo DAE Santa Bárbara d’Oeste, em 8,26% desde o mês de junho de 2019, em todas as faixas e categorias de consumo.

Já no caso da força e luz, a CPFL informa que as tarifas estão corretas de acordo com a resolução da ANEEL.

CPFL Paulista RTE RTA RTA RTA RTP RTA
03/2015 04/2015 04/2016 04/2017 04/2018 04/2019
Resolução ANEEL 1.858/2015 1.871/2015 2.056/2016 2.217/2017 2.381/2018 2.526/2019
Efeito Médio Grupo A 28,80% 5,29% 6,56% -12,20% 11,11% 9,30%
Efeito Médio Grupo B 27,27% 4,24% 8,23% -9,42% 20,17% 8,34%
Efeito Médio Grupo Total AT+BT 31,77% 4,67% 7,55% -10,50% 16,90% 8,66%
RTA Reajuste Tarifário Anual
RTE Revisão Tarifária Extraordinária
RTP Revisão Tarifária Periódica

 

Código de Defesa do Consumidor prevê que cobranças indevidas devem ser devolvidas em dobro, acrescidas de juros e correção monetária, além disso, o consumidor também pode ingressar com ação na Justiça pleiteando danos morais e materiais, segundo o órgão.

 

Comentários