Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Dennis Moraes Opinião

João Dória seria um vassalo da China?

Por Dennis Moraes

 

O Governador de São Paulo, João Dória (PSDB) parece estar perdendo as estribeiras com as verdades que alguns órgãos de imprensa e prefeitos vem falando sobre o fracasso de seu governo no combate ao coronavírus. João chegou ao ponto de praticamente pedir a cabeça do jornalista Rodrigo Constantino hoje (02) pela manhã no Jornal da Manhã transmitido pela Rede Jovem Pan.

Dória chamou Constantino de vassalo, entre outras acusações. Recentemente, João ofendeu a Prefeita de Bauru, Suellen Rosim, durante sua seleta coletiva de imprensa, aliás, uma coletiva onde somente a imprensa que ele escolhe fazem as perguntas aos seus subordinados. Dória disse que a prefeita de Bauru ‘faz vassalagem ao presidente ao invés de proteger a saúde de seus habitantes’.

Vassalo é aquele que, no feudalismo, era obrigado a se submeter às ordens ou aos tributos do soberano, do senhor feudal, que é dependente de algo ou de alguém; submisso.

Não seria João Dória um vassalo chinês? Como pode um governador querer enfiar goela abaixo uma salvação chinesa que cientificamente tem a pior eficácia de todas as vacinas liberadas para uso emergencial? Cadê a fiscalização das aplicações? Lockdown em São Paulo e viajem para Miami? Essas perguntas parecem ofender a moral do governador que se sente presidente.

Parece que se tornou moda alguns políticos passarem por cima do jornalismo e de pessoas que não concordam com suas ordens com a narrativa que somente eles estão certos. Já não é de hoje que João Dória parece não aceitar críticas vindas da imprensa que mostra os resultados reais de seu governo quando o assunto é a eficácia no combate ao coronavírus no estado de São Paulo. Pedir a cabeça de um profissional ao vivo é realmente um ato de desespero. Sou contra qualquer ofensa direcionada a imprensa, a propósito, o presidente Jair Messias Bolsonaro também precisa respeitar mais os veículos de comunicação.

É evidente que Dória usa de seu governo para fazer palanque visando as eleições de 2022, enquanto isso, o estado de São Paulo é o estado que mais mortes, crava em todo território nacional. Está cada vez mais escancarado que o plano São Paulo não funciona e vai quebrando cada vez mais o estado mais forte do Brasil.

 

Finalizando, parabenizo toda a imprensa e políticos que confrontam governantes perfeccionistas e autoritários.

 

Dennis Moraes é Comendador outorgado pela Câmara Brasileira de Cultura, Jornalista e Diretor de Jornalismo do Portal SB24Horas.

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal SB24Horas