Indaiatuba: Outubro Literário segue com atrações gratuitas para toda família

Festival da Cultura celebra e incentiva hábito da leitura

Prosseguem até o final deste mês as atrações gratuitas do festival Outubro Literário, iniciativa da Secretaria Municipal de Cultura que celebra a literatura e tem como objetivo estimular o interesse de crianças e adultos pelo universo da leitura e da escrita. Este ano moradores e visitantes poderão conferir uma série de novidades, incluindo escritores praticando seu ofício ao vivo em plena praça pública, performances poéticas dentro de ônibus da cidade, intervenções artísticas com trechos de obras de William Shakespeare em locais públicos, palestras com convidados especiais, além de ações já tradicionais como a Feira de Troca de Livros e o Sarau Todas Palavras. Confira a programação completa abaixo e prestigie os eventos com a família e os amigos, a entrada é franca. Informações (19) 3894-1867.

Programação Festival Outubro Literário 2014

Dias 6, 13, 20 e 27 de outubro – segundas-feiras – 16h às 19h – Linhas de ônibus

Dia 6 – Linha 302 – Castelo Branco/ Caminho da Luz

Dia 13 – Linha 305 – Jardim Morumbi/ Cidade Nova

Dia 20 – Linha 311 – Rua 59/ Cristo, via Tancredo Neves

Dia 27 – Linha 322 – Jardim Brasil/ Morro Torto/ Aldrovandi

 

Poesia em Trânsito

Performances poéticas dentro de ônibus de Indaiatuba. Entre idas e vindas, em meio aos fluxos que a vida nos impõe, encontramos palavras. Dentre as várias palavras que nos perpassam todos os dias, algumas nos colocam em outra dimensão. Como se da vida pudéssemos extrair algo além do mero cotidiano, algo além do visto pelos olhos. Distribuir essas palavras é a intenção do  “Palavras em trânsito”, que levará poesia para um dos lugares mais comuns e inesperados: um ônibus! No meio de suas viagens aparentemente comuns, os passageiros serão surpreendidos por poemas de grandes nomes da poesia brasileira recitados por artistas que, até então, eram passageiros como quaisquer outros. Os artistas:

Marcus Mazieri é ator e poeta. Faz parte do Grupo Gandaiá, que realiza atividades artísticas em Indaiatuba desde 2008. Integra também o coletivo teatral Cia Trova 8. Foi premiado duas vezes na categoria poesia no Prêmio Acrísio de Camargo (2011 e 2012) e finalista em poesia do Mapa Cultural Paulista 2012. Publica poemas e artigos no blog mmazieri.blogspot.com . Marcus, graduado em Geografia pela UNICAMP, formou-se como ator no curso de Humor da SP Escola de Teatro, onde atualmente dá continuidade aos estudos no curso de Dramaturgia. Pamella Martelli é atriz, arte-educadora e contadora de histórias. Graduada em Teatro pela Escola Superior de Artes Célia Helena e atualmente aprendiz de Dramaturgia na SP Escola de Teatro. É integrante do coletivo de Jongo Filhos da Semente, de Indaiatuba-SP. Seus estudos em teatro se iniciaram em 2001, na Cia Cena Set, em Alfenas-MG. Pamella já participou de montagens dirigidas por Eduardo Okamoto, Daves Otani, Ruy Cortez, Marco Antônio Pâmio e Bete Dorgam. Em 2013 estreou, com Marina Costa, a contação da história “Dandara”, de Vanderlei Benedito Bastos, no SESC- São Carlos.

 

Dia 9 de outubro – quinta-feira – 19h às 20h30 – Centro Cultural Morada do Sol

 

Escritas Daqui com Coletivo Estoriadores

Escritas Daqui é um bate-papo informal, entre autores locais e público, sobre leitura, escrita e suas influências. Nesta edição, o convidado é o coletivo Estoriadores, composto por John Fellix, Mariana Baptista, Marina Salla, Rodrigo Mendes, Tatiane Durães, Wilson Santos e Verônica Inamonico, autores (as) e blogueiras (os) de Indaiatuba e região, que discutirão, além das suas próprias produções literárias, temas que prometem render um bom bate-papo com o público como criatividade, blogs literários e as diferenças entre literatura nacional e internacional.

 

Dia 11 de outubro – sábado – 10h às 12h – Praça Dom Pedro II

 

Vende-se Poesia de Graça!

Evento em que escritores praticarão seu ofício em plena praça pública. Com seus instrumentos de escrita à mão, distribuirão versos e poemas improvisados para os passantes que comprarem esta ideia! Não perca, vá buscar seu poema!  Escritores: Gabriel Augusto é ator na Cia Trova 8 e, recentemente, tem se arriscado em literatura e poesia. Sua formação é multifacetada: filho de uma pianista, iniciou-se artisticamente na área musical, cursando viola erudita na Fundação Cultural Cassiano Ricardo em São José dos Campos. Mais tarde, nas áreas visuais, estudou Design Gráfico pelo SENAC. Em 2010, interessado em Teatro, mudou-se para São Paulo, onde cursou Humor na SP Escola de Teatro.

Bruna Biasi escreve poesias desde os 18 anos, quando terminou o colégio. Em São Paulo, fez o curso de Palhaço no aclamado Doutores da Alegria. De volta ao interior, a poesia e a viola permaneceram cravadas em seu peito. Estas são as formas de transcender seu cotidiano atual de agricultora, ressalta a artista.

 

Dia 11 de outubro – sábado – 9h às 12h – Praça Dom Pedro II

 

Feira de Troca de Livros

Já tradicional na cidade, a Feira de Troca de Livros é uma ótima oportunidade para quem gosta de ler e quer renovar a estante sem gastar nada. Basta trazer um livro de literatura e trocar por outro de interesse que esteja disponível na banca. Há sempre opções interessantes para todas as faixas etárias.

 

Dia 11 de outubro – sábado – 11h às 12h – Praça Dom Pedro II

 

Shakespeare nas Praças

Em comemoração aos 450 anos de nascimento do poeta William Shakespeare, as praças e locais públicos da cidade serão palco de intervenções artísticas com trechos de algumas obras de William Shakespeare: A Megera Domada,Sonho de uma Noite de Verão,Romeu e Julieta e A Comédia dos Erros,representadas por atores e não atores a fim de divertir e proporcionar aos transeuntes  um momento de deleite e cultura.Elenco:Alê Calefo,Beatriz Balthazar,Beatriz Souza,Mayara Ribeiro,Tamires Munhóes,Paulo C. Feijão,Kátia N. Feijão,Larissa Stocco,William Scodro,Natália Oliveira,Ludimilla Fidelly,Natália Galini,Andrei Salas.Direção: Bárbara Gaschler.

 

Dia 12 de outubro – domingo – 10h às 11h – Parque Temático

 

Shakespeare nas Praças

Em comemoração aos 450 anos de nascimento do poeta William Shakespeare, as praças e locais públicos da cidade serão palco de intervenções artísticas com trechos de algumas obras de William Shakespeare: A Megera Domada,Sonho de uma Noite de Verão,Romeu e Julieta e A Comédia dos Erros,representadas por atores e não atores a fim de divertir e proporcionar aos transeuntes  um momento de deleite e cultura.Elenco:Alê Calefo,Beatriz Balthazar,Beatriz Souza,Mayara Ribeiro,Tamires Munhóes,Paulo C. Feijão,Kátia N. Feijão,Larissa Stocco,William Scodro,Natália Oliveira,Ludimilla Fidelly,Natália Galini,Andrei Salas.Direção: Bárbara Gaschler.

 

Dia 16 de outubro – quinta-feira – 19h às 20h30 – Centro Cultural Wanderley Peres

 

Prefácios, com Ricardo Lísias

Prefácios é uma das ações da Secretaria da Cultura voltadas para o fomento da Literatura.  Uma oportunidade para que o público debata com estudiosos da literatura questões ligadas ao rico e vasto mundo dos livros. Ricardo Lísias é graduado em Letras pela UNICAMP e doutor em Teoria e Crítica Literária pela USP. Ficcionista, publicou cinco romances, um livro de contos e um e-book com textos de crítica literária. Publicou textos e artigos nos principais periódicos brasileiros da área. Seus textos já foram traduzidos para o inglês, francês, espanhol, galego, alemão e hebraico. Foi finalista do Prêmio Jabuti de 2008 com Anna O. e outras novelas e do Prêmio São Paulo de Literatura em 2010 com O livro dos mandarins. Seu conto Tólia foi selecionado para a edição da revista inglesa Granta “Os melhores jovens escritores brasileiros”. Publicou os romances Cobertor de estrelas, Duas praças, O livro dos mandarins, O céu dos suicidas e Divórcio; e o livro de contos Anna O e outras novelas. É doutor em pela Universidade de São Paulo.

 

Dia 17 de outubro – sexta-feira – 19h às 20h30 – Centro Cultural Wanderley Peres

 

Palestra As Pequenas Editoras: Davi x Golias, com Eduardo Lacerda e convidados – Charles Marlon, Israel Antonini, Lalo Arias e Leonardo Mathias.

 

Eduardo Lacerda é coeditor da Editora Patuá. Autor do livro de poemas Outro dia de folia. Coeditou a Revista Metamorfose e O Casulo – Jornal de Literatura Contemporânea; trabalhou como assistente de produção cultural na Casa das RosasEspaço Haroldo de Campos de Poesia e Literatura e como produtor cultural no Programa São Paulo: um Estado de Leitores. Tem poemas publicados em revistas eletrônicas e impressas e em algumas antologias. Não se considera poeta, sua verdadeira paixão é fazer nascer livros e poetas. Não se leva a sério, embora leve a sério a literatura. Por fim, gosta de truco, tango, cerveja, tarot, video-games e orquídeas.

Charles Marlon, autor dos livros Sub-verso (Patuá, 2014) e Poesia LTDA (Patuá, 2012) é poeta e mestrando em Literatura Portuguesa pela Universidade de São Paulo. Estuda poesia contemporânea portuguesa, em especial a obra poética de Rui Pires Cabral. Nutre grande interesse pela literatura, principalmente pela contemporânea, e por suas relações com as teorias filosóficas, sociais, estéticas e políticas que procuram compreender o nosso presente histórico, a saber, a vida contemporânea e suas (im)possibilidades.

Israel Antonini é natural de Osasco, SP. Graduou-se em Letras pela USP, época em que foi coeditor da Revista Áporo. Publicou, em 2006, o livro identidad&plural (independente) e, pela Editora Patuá, Colírio (2011). Teve poemas veiculados em sites, antologias e jornais literários. É baixista da banda Euphúria.

Lalo Arias nasceu em São Paulo pelos idos dos anos 1950. Foi de tudo um pouco, inclusive fazedor de hambúrgueres especiais. Escreve desde que aprendeu a escrever. Foi andarilho e escrevinhador de manuais técnicos. Hoje em dia vive de rendas, isto é, vive de fazer toalhas e colchas de renda. Publicou dois livros de poesia: Cidade Desaparecida (Scortecci, 2010) e Cartas para Naíma (Editora Patuá, 2013).

Leonardo Mathias (São Paulo, SP, 1987) atua em artes visuais, literatura e design. No setor editorial ilustrou e assinou projetos gráficos de mais de cem títulos. Publicou seu livro de poemas de pé, em 2011, reeditado em 2014, pela Editora Patuá. Colaborou para veículos como os jornais Folha de São Paulo e O Estado de São Paulo; e também para revistas como ZUPI e InPrint Magazine. Participou de diversas mostras coletivas (Salão de Abril – Fortaleza; SARP – Ribeirão Preto; Salon d’Automne França-Brasil, entre outros). Em 2012, realizou sua primeira exposição individual, As Janelas de Rilke, premiada pelo ProAC – Artes Visuais (Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo). Em 2014 apresentou, na Arte&Fato Galeria, sua individual Vazios Volúveis.

 

Dia 19 de outubro – domingo – 10h às 11h – Praça Renato Vilanova (Praça do Cato)

 

Shakespeare nas Praças

Em comemoração aos 450 anos de nascimento do poeta William Shakespeare, as praças e locais públicos da cidade serão palco de intervenções artísticas com trechos de algumas obras de William Shakespeare: A Megera Domada,Sonho de uma Noite de Verão,Romeu e Julieta e A Comédia dos Erros,representadas por atores e não atores a fim de divertir e proporcionar aos transeuntes  um momento de deleite e cultura.Elenco:Alê Calefo,Beatriz Balthazar,Beatriz Souza,Mayara Ribeiro,Tamires Munhóes,Paulo C. Feijão,Kátia N. Feijão,Larissa Stocco,William Scodro,Natália Oliveira,Ludimilla Fidelly,Natália Galini,Andrei Salas.Direção: Bárbara Gaschler.

 

Dia 23 de outubro – quinta-feira – 19h às 20h30 – Centro Cultural Wanderley Peres

 

Prefácios, com Ricardo Lísias

Prefácios é uma das ações da Secretaria da Cultura voltadas para o fomento da Literatura.  Uma oportunidade para que o público debata com estudiosos da literatura questões ligadas ao rico e vasto mundo dos livros. Ricardo Lísias é graduado em Letras pela UNICAMP e doutor em Teoria e Crítica Literária pela USP. Ficcionista, publicou cinco romances, um livro de contos e um e-book com textos de crítica literária. Publicou textos e artigos nos principais periódicos brasileiros da área. Seus textos já foram traduzidos para o inglês, francês, espanhol, galego, alemão e hebraico. Foi finalista do Prêmio Jabuti de 2008 com Anna O. e outras novelas e do Prêmio São Paulo de Literatura em 2010 com O livro dos mandarins. Seu conto Tólia foi selecionado para a edição da revista inglesa Granta “Os melhores jovens escritores brasileiros”. Publicou os romances Cobertor de estrelas, Duas praças, O livro dos mandarins, O céu dos suicidas e Divórcio; e o livro de contos Anna O e outras novelas. É doutor em pela Universidade de São Paulo.

 

Dia 25 de outubro – sábado – 9h às 12h – Praça Elis Regina (Chafariz)

 

Feira de Troca de Livros

Já tradicional na cidade, a Feira de Troca de Livros é uma ótima oportunidade para quem gosta de ler e quer renovar a estante sem gastar nada. Basta trazer um livro de literatura e trocar por outro de interesse que esteja disponível na banca. Há sempre opções interessantes para todas as faixas etárias.

 

Dia 25 de outubro – sábado – 11h às 12h – Praça Elis Regina (Chafariz)

Shakespeare nas Praças

Em comemoração aos 450 anos de nascimento do poeta William Shakespeare, as praças e locais públicos da cidade serão palco de intervenções artísticas com trechos de algumas obras de William Shakespeare: A Megera Domada,Sonho de uma Noite de Verão,Romeu e Julieta e A Comédia dos Erros,representadas por atores e não atores a fim de divertir e proporcionar aos transeuntes  um momento de deleite e cultura.Elenco:Alê Calefo,Beatriz Balthazar,Beatriz Souza,Mayara Ribeiro,Tamires Munhóes,Paulo C. Feijão,Kátia N. Feijão,Larissa Stocco,William Scodro,Natália Oliveira,Ludimilla Fidelly,Natália Galini,Andrei Salas.Direção: Bárbara Gaschler.

 

Dia 25 de outubro – sábado – 10h às 12h – Praça Elis Regina (Chafariz)

Vende-se Poesia de Graça!

Evento em que escritores praticarão seu ofício em plena praça pública. Com seus instrumentos de escrita à mão, distribuirão versos e poemas improvisados para os passantes que comprarem esta ideia! Não perca, vá buscar seu poema!  Escritores: Escritores: Lucas Fernandes Chagas, interessado por Literatura e artes em geral, é poeta diletante desde sempre. É formado em música pelo Instituto de Artes da UNESP. É professor de música e violão e como músico apresenta-se em teatros, espaços culturais e escolas de música. Fez cursos de expressão teatral e integrou o Grupo Gandaiá, pelo qual se apresentou em praças públicas e visitas voluntárias a instituições beneficentes. Nascido em Porto Alegre-RS, mora em Indaiatuba desde 1988. Foi aqui que iniciou seus estudos artísticos: foi aluno da oficina de violão da Secretaria da Cultura, com o professor Fidel de Almeida e, posteriormente, do prof. Moacyr Martins.

Victor Lobato a respeito de si e a arte:

Arte é autoconhecimento:

Quando mergulha tanto em si

Descobre-se

Universo

Explorando a linguagem arte para comunicar experiências de integração com a natureza espiritual, alma que com você compartilha o mundo.

A origem profética da poesia. Ecoa nos templos

E no dia a dia.

Sonora, poesia que desperta-nos à contemplação e à consciência dos elementos que permeiam e compõe a humana sinfonia.

 

Dia 30 de outubro – quinta-feira – 19h – Casarão Pau Preto

 

Sarau Todas Palavras Edição especial & Lançamento dos Livros “A Puta” de Márcia Barbieri e “Maldito Diário” de Lalo Arias

 

O sarau é um evento cultural onde as pessoas se encontram para se expressar ou se manifestar artisticamente. O evento integra as iniciativas permanentes da Prefeitura Municipal com foco na formação do público leitor e no fomento da cena literária em Indaiatuba. Quem tiver interesse em ler para a platéia, pode se inscrever pelo e-mail cultura@indaiatuba.sp.gov.br. Podem ser lidos trechos de obras literárias de qualquer gênero, à escolha do participante, com duração média de 10 minutos.

 

Márcia Barbieri é paulista, formada em Letras e mestranda em Filosofia. Tem textos publicados em várias antologias e nas principais revistas literárias brasileiras. Publicou os livros de contos Anéis de Saturno (independente), As mãos mirradas de Deus (Multifoco) e o romance Mosaico de rancores (no Brasil pela Terracota e na Alemanha pela Clandestino Publikationen).

Lalo Arias nasceu em São Paulo pelos idos dos anos 1950. Foi de tudo um pouco, inclusive fazedor de hambúrgueres especiais. Escreve desde que aprendeu a escrever. Foi andarilho e escrevinhador de manuais técnicos. Hoje em dia vive de rendas, isto é, vive de fazer toalhas e colchas de renda. Publicou dois livros de poesia: Cidade Desaparecida (Scortecci, 2010) e Cartas para Naíma (Editora Patuá, 2013).

 

Serviço

Centro de Convenções Aydil Bonachella – Rua das Primaveras, 210 – Jardim Pompéia

Centro Cultural Morada do Sol – Av. Eng. Fábio Roberto Barnabé, nº 5924 – Morada do Sol

Centro Cultural Wanderley Peres – Praça Dom Pedro II, s/n – Centro

Parque Temático – Parque Ecológico, na altura do Jardim Monte Verde

 

Foto: Divulgação

Legenda: Apresentação do projeto Shakespeare nas Praças, atração do Outubro Literário

Comentários

Notícias relacionadas