Exposições fotográficas marcam Dia da Consciência Negra

Exposições fotográficas marcam a programação do Dia da Consciência Negra em Santa Bárbara d’Oeste. As mostras montadas em três pontos da cidade buscam transmitir o legado da cultura negra na música, artes visuais e educação. A programação conta com uma variedade de atividades com o objetivo de promover reflexões sobre temáticas das comunidades afrodescendentes. As atividades seguem até o final do mês. O Dia da Consciência Negra procura ser uma data para lembrar a resistência do negro à escravidão de forma geral, desde o primeiro transporte de africanos para o solo brasileiro (1594).

 

Montada na Secretaria de Educação do município, a campanha fotográfica “África em Nós” traz o olhar de diversos profissionais e amadores da fotografia sobre a herança do povo africano no cotidiano brasileiro. Trinta e seis imagens vencedoras da campanha fotográfica homônima promovida pela Secretaria de Estado da Cultura em 2009 podem ser conferidas até 28 de novembro, de segunda a sexta-feira, das 9 às 16 horas na Rua Graça Martins, 680, Centro.

 

Já a exposição #consciênciaviva do fotógrafo barbarense Ricardo Greggo tem por intuito retratar ilustres figuras engajadas no movimento negro de Santa Bárbara d’Oeste, bem como salientar que as influências das ações destas pessoas margeiam ecoar as novas gerações, de modo a manter vivida a cultura afro em meio à socidade.  O público pode visitar a mostra de segunda a sexta-feira, das 9 às 16 horas, no hall da Prefeitura, localizada na Avenida Monte Castelo, 1.000, Jardim Primavera.

 

Como parte da programação, o Museu da Imigração abre no dia 20 de novembro, às 19h30, a exposição fotográfica “Vozes da África e Igualdade em Foco” da fotógrafa barbarense Anna Syathicosck. Em conjunto com a mostra, haverá também a exposição de bijuterias e adereços afro com Ana Ñbandi, além de apresentação de maracatu com o grupo Baque de Santa e roda de capoeira com membros da Associação de Capoeira do contra-mestre Motta. O Museu está localizado na Rua João Lino, 371, Centro. A exposição pode ser vista de terça-feira a sábado, das 9 às 17 horas. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 3455-5082.

 

Confira a programação completa do evento:

– Exposição Itinerante “África e Nós”

Período 10/11 a 28/11

Secretaria de Educação

– Exposição do produto final do Projeto Baobá

Período 16/11 a 28/11

Secretaria de Educação

– Cine Debate com alunos da EJA (Educação de Jovens e Adultos)

Dia 17/11 às 19 horas

Salão Nobre da Secretaria de Educação

– Exposição das obras de João Batista Stork

Período 10/11 a 28/11

Centro Cultural e Biblioteca Profº Léo Sallun

– Exposição fotográfica “Consciência Viva” de Ricardo Greggo

Mês de novembro

Hall do Paço Municipal

– Apresentações culturais das escolas municipais

Dia 20/11 das 9 horas às 11h30 e das 13h30 às 15h30

– Apresentação de maracatu com o grupo Baque de Santa e alunos do CIEP “Carmelina Pellegrino Cervone”

Dia 22/11 (Sábado) das 10h30 às 12 horas

– Desfile “Belezinha” e workshop “Cris Beleza Negra”

Dia 23/11 a partir das 13 horas

Praça Central Coronel Luís Alves (Central)

-Exposição fotográfica “Vozes da África e Igualdade em Foco” de Anna Syathicosck

-Exposição de bijuterias afro de Ana Nbandi

Período 20/11 a 29/11

 

Foto: Divulgação/Ricardo Greggo

Comentários

Notícias relacionadas