Excesso de lixo prejudica escoamento de água na Rua Argentina

Imagem Ilustrativa

Mesmo com a construção de uma galeria, realizada pela Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste, que ampliou a captação das águas de chuva na Rua Argentina, na Vila Sartori, o excesso de lixo descartado de maneira incorreta por parte da população tem prejudicado o escoamento em dias de chuva forte. Quando isto ocorre, os detritos trazidos pela enxurrada da parte alta do bairro entram pela galeria e acabam retidos na grade de proteção que fica no interior do Parque dos Ipês e serve para impedir que este lixo chegue ao lago. Com isso, o escoamento se torna mais lento e parte da água fica retida na via, causando transtornos.

A obra realizada no final do ano passado sanou um antigo problema de alagamento no local. Foram instaladas duas novas bocas de lobo, aumentando a galeria de água pluvial existente, com nova rede de 400 mm em tubos de concreto. Para o prefeito Denis Andia, o serviço de drenagem realizado atende a demanda. “Fizemos uma grande intervenção que passou por diversas provas, com chuvas torrenciais. Não é o excesso de água, mas sim o excesso de entulho que compromete o escoamento”, disse. “É preciso que as pessoas se conscientizem e evitem o descarte de qualquer tipo de resíduos nas ruas, é um pedido que a gente faz”, completou o prefeito.

O secretário de Obras e Serviços, Hamilton Cavichiolli, compartilha da opinião do prefeito. “A obra é suficiente, porém, sua eficácia depende da colaboração das pessoas, que devem evitar o descarte de qualquer tipo de material nas ruas, principalmente plástico, e manter as calçadas limpas, não depositando material de construção ou qualquer tipo de objeto que possa contribuir para o entupimento das galerias”, disse.

 

Assessoria de Imprensa

Comentários

Notícias relacionadas