Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Estação Cultural da Fundação Romi lança edital com foco no Patrimônio Histórico

Estação Cultural da Fundação Romi abre edital para recebimento de propostas de ações na área do Patrimônio Histórico

A Estação Cultural da Fundação Romi, espaço plural e multicultural localizado no prédio da antiga estação ferroviária de Santa Bárbara d’Oeste, abre inscrição para oficineiros e educadores culturais de Santa Bárbara d’Oeste e região, interessados em realizar atividades direcionadas a ÁREA DO PATRIMÔNIO HISTÓRICO com o objetivo de preservar e difundir a história da ferrovia e da Estação Ferroviária da Companhia Paulista de Santa Bárbara d’Oeste. As inscrições podem ser feitas no período de 17 de janeiro a 09 de fevereiro.

O edital visa receber propostas que trabalhem com a preservação da história da Estação Ferroviária da Companhia Paulista de Santa Bárbara d’Oeste inaugurada em 1917, com a realização de ações que difundam sua história e sua importância para o desenvolvimento socioeconômico e cultural da cidade e região. “ O conjunto arquitetônico, da hoje Estação Cultural, preserva e guarda uma parte importante da história de Santa Bárbara d’Oeste e seu desenvolvimento. Buscamos, através do recebimento das propostas de atividades ligadas ao Patrimônio Histórico, incentivar a população a conhecer a história da ferrovia e sua importância para  a cidade e região”, explica o superintendente da Fundação Vainer Penatti.

Tradicionalmente, grande parte da urbanização do país se deu ao redor de igrejas e estações ferroviárias, de modo que esse patrimônio de interesse público deva ser preservado e mantida viva sua história. “ Em nossa trajetória mais de 200 mil pessoas foram beneficiadas, gratuitamente, por nossas ações. Pretendemos manter viva a memória dos trens e da ferrovia, conservando e divulgando essa história. Considerando a própria Revitalização da Estação Ferroviária de Santa Bárbara d’Oeste como ponto de partida para a valorização desta história, nada mais justo que oferecer atividades que tragam histórias e memórias ao público frequentador do local”, enfatiza o superintendente.

Somente serão aceitas propostas na área de patrimônio histórico, com foco na história da Estação Ferroviária de Santa Bárbara d’Oeste. Podem participar do processo oficineiros e educadores culturais de Santa Bárbara d’Oeste e região, maiores de 18 anos, que tenham personalidade jurídica regularmente constituída, podendo ser nas categorias MEI (Microempreendedor Individual), ME (Microempresa) ou outra forma jurídica prevista em lei correspondente a área de atuação da proposta.

Serviço- O edital EC 0001/2020 CHAMADA PÚBLICA PARA OFICINEIROS E EDUCADORES CULTURAIS PARA A ÁREA DE PATRIMONIO HISTÓRICO NA ESTAÇÃO CULTURAL EM 2020 está com inscrições abertas no período de 17 de janeiro de 2020 a 09 de fevereiro de 2020. As inscrições podem ser feitas através do link http://fundacaoromi.org.br/fundacao/formulario-inscricao/ ou pessoalmente na Administração da Estação Cultural, de terça a sexta das 09h às 18h, aos sábados das 08h às 17h e, aos domingos, das 08h ao meio dia. É recomendado que seja feita leitura do edital antes de realizar inscrição. No documento consta informações importantes sobre o processo. A Estação Cultural está localizada na Avenida Tiradentes, 02, no Centro de Santa Bárbara d´Oeste, SP. Mais informações podem ser acessadas no site, através do link, www.estacaocultural.org.br ou pelos telefones (19) 3455-4833 ou 3455-4830.

 

Sobre a Estação Cultural

 

Inaugurada em 2007, a Estação Cultural ocupa a centenária estação ferroviária de Santa Bárbara d´Oeste, revitalizada e mantida pela Fundação Romi. Em sua trajetória aproximadamente 200 mil pessoas já foram beneficiadas, gratuitamente, por meio de oficinas livres, culturais e de formação, projetos de fomento à economia criativa, de elevação do status cultural e de ações socioeducativas. A Estação Cultural é um lugar de encontros plurais e multiculturais onde a comunidade pode aprimorar a sua percepção acerca da cultura local e regional, divulgar valores, trocar vivências, adquirir conhecimentos, experimentar emoções, elaborar pensamentos, tomar iniciativas e ajudar a constituir a identidade cultural da cidade e região. A Estação Cultural da Fundação Romi está localizada na Avenida Tiradentes, 02, no Centro de Santa Bárbara d´Oeste, SP. (19) 3455-4833 ou 3455-4830. www.estacaocultural.org.br.

 

Sobre a Fundação Romi

 

Seu legado iniciou em 1957, em Santa Bárbara d’Oeste, pelo casal Américo Emílio Romi e Olímpia Gelli Romi. Tendo como missão promover o desenvolvimento social e humano através da educação e cultura, a Fundação Romi é pioneira na promoção da comunidade regional e na realização de ações sociais, beneficiando mais de 30 mil pessoas, por ano, através de seus dois grandes eixos: Educação e Cultura. Mantenedora do Núcleo de Educação Integrada, sua escola de Educação Infantil, Ensino Fundamental e Médio, oportuniza a formação integral, autônoma e protagonista de crianças, adolescentes e jovens. Além disso, promove, por meio de seu Centro de Documentação Histórica, projetos de educação patrimonial para crianças do Ensino Fundamental I, para reconhecimento e conhecimento da história local como elemento de cultura e cidadania. Somado a isso, seu Centro de Documentação Histórica também realiza o Processamento Técnico da memória do município para guarda, preservação e disponibilização do acervo à população para consulta e pesquisa. Dentre as unidades da Fundação Romi também está a Estação Cultural de Santa Bárbara d´Oeste que, por meio de oficinas livres, culturais e de formação, projetos de fomento à economia criativa, de elevação do status cultural e de ações socioeducativas atende milhares de pessoas por ano. A Fundação Romi está localizado à Avenida João Ometto, 200, Jd. Panambi, em Santa Bárbara d´Oeste. (19) 3499-1555. www.fundacaoromi.org.br.