Educação amplia quadro de monitores culturais

A Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste, por meio da Secretaria de Educação, ampliou o quadro de monitores culturais, que passou de 23 para 49 servidores. Os novos profissionais passam a atuar no CIEP Angélica Sega Tremacoldi, no Jardim das Orquídeas, CIEP Padre Victório Freguglia, na Vila Pântano, CIEP Profº José Renato Pedroso, no Parque do Lago, CIEP Profª Therezinha Sbravatti, no Jardim Europa, CIEP Carmelina Pellegrino Cervone, no Parque Zabani, CIEP Leonel de Moura Brizola e CAIC Irmã Dulce, ambos no Jardim Santa Rita. As unidades escolares oferecem aos alunos oficinas de jogos recreativos, dança, capoeira, karatê, flauta, percussão e teatro.

 

Segundo a secretária de Educação, Tânia Mara da Silva, a contratação dos monitores culturais auxilia na organização das unidades escolares, pois os professores podem planejar suas aulas de maneira a ampliar o conhecimento dos alunos. “Nas oficinas sempre é proposto a mediação dos monitores culturais onde as crianças podem vivenciar pesquisas, leituras, experiências práticas, jogos, brincadeiras, expressão corporal e artística entre muitas outras possibilidades”, comentou.

 

A monitora Milena Nunes destacou a importância do trabalho e da evolução dos alunos. “Com a aplicação das oficinas os alunos estão evoluindo gradativamente e a expectativa é de melhora a cada dia, pois existe a possibilidade do desenvolvimento das múltiplas inteligências, podemos capacitar hoje novos talentos para arte, dança, esporte entre outras atividades possíveis”, falou.

 

Para a coordenadora pedagógica, Rose Luvezutto, a ação da Administração Municipal está propiciando bons resultados em relação ao avanço pedagógico e qualidade de vida dos alunos. “A melhora esta sendo visível e significativa. Com a chegada dos novos monitores houve uma melhora expressiva no comportamento dos alunos, além de estarem mais atentos e felizes”, afirmou.

 

Assessoria de Imprensa

Comentários

Notícias relacionadas