Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

E-mail marketing: o que é, estratégias e como começar

marketing

O email marketing é uma das principais formas de comunicação voltada à venda e à fidelização. Por isso vem sendo cada vez mais incorporada nos procedimentos e estratégias de inúmeras empresas, trazendo de volta resultados que alegram muitas equipes.

 

A base dessa comunicação, como o próprio nome entrega, é feita pelo disparo de e-mails, que são voltados a públicos segmentados e específicos das corporações.

 

Apesar da comunicação por esse tipo de estratégia ser antiga, novas formas de estruturação e utilização do e-mail têm revolucionado o marketing, trazendo uma aproximação do público bem maior que, por exemplo, postagens nas redes sociais.

 

Mas para saber de fato as melhores formas de utilizar essa ferramenta, é preciso se atentar para maneiras e estratégias, baseadas primeiramente no reconhecimento do seu público.

 

No artigo abaixo vamos conhecer um pouco mais sobre o e-mail marketing, destacando suas principais estratégias e os impactos positivos que sua empresa de, por exemplo, aluguel de chiller pode ter ao incorporar essas ferramentas à sua comunicação.

O que é o e-mail marketing?

O e-mail marketing é uma forma de comunicação feita entre empresas e clientes, utilizando como meio desse contato mensagens enviadas em e-mails, conhecidos como as primeiras formas de contato, utilizadas logo após o boom dos computadores e da internet.

 

Diferentemente daquela forma tradicional de contato, em que a empresa escrevia textos básicos para seus clientes, podemos dizer que o e-mail marketing vai além e faz muito mais.

 

Isso porque, primeiramente, os e-mails marketing enviados entre uma empresa de projeto elétrico predial para seus clientes consegue ter uma determinação direta sobre aqueles que de fato se interessaram pela marca, pontuando um outro tipo de comunicação.

 

Para isso, a prioridade das empresas é fazer uma retenção desses contatos, geralmente por meio de formulários em um site ou uma landing page de vendas, onde ocorre realmente o contato.

 

A partir disso, que pode ser viabilizado por um conteúdo que uma pessoa achou interessante, como um e-book sobre tela aço inox, ocorre uma troca. O usuário leva aquilo que achou interessante e informativo, e deixa com a empresa seu contato, como um:

 

  • Nome;
  • Celular;
  • E-mail;
  • Dados pessoais.

 

A partir disso a empresa, quase sempre por intermédio de sistemas de automação, faz uma separação dos tipos de pessoas, dentre aquelas que melhor tiveram um interesse no que a empresa ofereceu e estão dispostas a uma compra, e as que estão em um reconhecimento.

 

Por exemplo, podemos dizer que, assim como em um funil de vendas, algumas pessoas ainda estão em um conhecimento primeiro da empresa, entendendo como ela funciona.

 

Já outras, entendem o que é a empresa, como ela funciona a partir dos materiais que ela disponibilizou, ou comunicações que achou interessante, e a partir daí dizem se estão dispostas ou não em continuar uma relação, como o interesse em mensagens por e-mail.

 

Toda essa divisão é feita pela empresa de, por exemplo, venda de geladeira industrial inox, e a partir daí são construídas as comunicações por meio do e-mail marketing, divididas em séries.

 

No caso de um primeiro contato por meio desse canal, existe uma forma mais concreta em exibir, por exemplo, um produto ou serviço da empresa. Tudo isso acontece tal como um reconhecimento, o que faz a conversa ser cada vez mais informativa.

 

Em outros níveis dessa estratégia, onde a empresa já se apresentou e explicou sua importância para o cliente, os contatos passam a ser cada vez mais específicos.

 

É o caso de um grupo de contatos dentro de um sistema de e-mail marketing que já fez um contato anterior com um cliente, que chegou a abrir um e-mail e ler o que estava no conteúdo. Essa pessoa terá uma comunicação diferente da que ainda não fez contato.

Principais estratégias para começar nesse canal

Até aqui, entendemos um pouco mais sobre as formas como o e-mail marketing funciona, entendendo que essa estratégia exige uma forte preparação das equipes de uma empresa de, por exemplo, instalações elétricas prediais que trabalha com essa comunicação.

 

Abaixo, então, vamos mostrar algumas estratégias essenciais para quem está começando nessa área, de forma a projetar a melhor conexão com seus clientes:

Testes A/B

Os testes A/B são formas de entender que tipo de conteúdo será o mais adorado pelos seus clientes dentro das comunicações via e-mail marketing. Por meio disso você pode fazer diferentes comunicações visuais e textuais e entender qual a mais clicada por eles.

 

Essa é uma maneira eficiente de empresas de, por exemplo, telha termoacústica sanduíche testarem suas maneiras de conversar com o público, para aí sim enviar mensagens oficiais.

 

Fazer teste a/b, para ter de fato resultados apropriados com o público, é também se preocupar com o tempo em que ele fica em funcionamento. Estabeleça um tempo certo para análise, bem como um público utilizado para esse teste, como pessoas comunicativas.

Contato depois de uma desistência de compra

Sabe quando você entra em uma loja, escolhe um produto e logo em seguida sai dessa página, seja por não ter gostado mais de algo, ou por ter se distraído com outra coisa?

 

Então, situações como essa podem ser bem aproveitadas pelos e-mails marketing disparados por uma empresa de piso tátil de concreto, estabelecendo uma forma de voltar um contato, até mesmo oferecendo condições para que o cliente estabeleça uma compra.

 

É interessante saber como chegar no cliente, criando um ar de compreensão e ao mesmo tempo de ajuda, para que ele não se aborreça e saia da página, não voltando mais ali.

Novidades e promoções exclusivas

Nada melhor do que aproveitar o e-mail marketing para a comunicação de ofertas e promoções exclusivas, visto que essa forma de comunicação pode ser o primeiro canal a receber o aviso, fazendo com que clientes corram prontamente para o site da loja.

 

Isso pode ser altamente interessante como uma estratégia da empresa em divulgar novos produtos ou serviços, fazendo um aviso direcionando para sua rede de contatos.

 

Inclusive, para que esses contatos entrem na lista de e-mails a serem contactados, é interessante que exista uma chamada, seja nas redes sociais ou no próprio e-commerce, de modo a oferecer uma vantagem a mais quando um produto for lançado dentro do site.

Periodicidade estratégica

O contato por e-mail deve ser algo estrategicamente pensado, e não apenas em um viés de comunicação, mas também no tempo que isso acontece com os clientes.

 

Por exemplo, uma empresa de dutos de exaustão que trabalha com essa ferramenta deve fazer um planejamento de e-mails, entendendo aquelas pessoas que já tiveram algum tipo de contato, e sabendo direcionar o tempo que uma segunda comunicação será feita.

 

Esse talvez seja um dos principais métodos a serem incorporados dentro do e-mail marketing, visto que mandar mensagens o tempo todo, ou mandar de menos, pode vir a ser um problema para a conexão da empresa com o cliente. 

Impactos na sua marca com o uso do e-mail marketing

Com o uso contínuo e correto do e-mail marketing, sua empresa pode ter inúmeros impactos positivos, seja diretamente com o cliente ou até na forma como o mercado reconhece a sua marca, já que a visibilidade e a fidelização são impulsionadas.

 

A priori, existe uma determinação ainda maior sobre a segmentação da sua empresa, de forma que seus consumidores são percebidos e tratados de forma personalizada.

 

Outro ponto que aumenta ainda mais com o uso do e-mail marketing é a credibilidade da sua empresa, de forma que os constantes contatos com o público passam a ser cada vez mais necessários para uma boa construção de imagem e de importância no mercado.

 

O aumento das vendas é algo similarmente aumentado, visto que as relações com clientes passam a ser cada vez maiores, e existe uma identificação sobre os desejos ou não de compra.

 

Isso fica cada vez mais determinado com os contatos constantes via e-mail, que fazem um filtro sobre os diferentes tipos de clientes e proporcionam um acompanhamento melhor sobre seus desejos de compra, ajudando-os a de fato escolher por um produto ou serviço.

 

Nesse e em outros pontos, o trabalho interno também acaba sendo positivamente afetado, agregando otimizações, menor tempo de trabalho, menores custos e um melhor resultado.

Considerações finais

O e-mail marketing é sem dúvidas uma das principais ferramentas quando falamos de relacionamento com o cliente e impulsionamento às compras, trabalhando sempre de forma personalizada e provendo um acompanhamento devido a favor de uma compra.

 

Por isso, ele deve ser cada vez mais incorporado às rotinas da sua empresa, trazendo pontos relevantes não apenas nos resultados que você deseja, mas também na produtividade dos trabalhadores e principalmente dos vendedores.

 

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.