Delegação francesa visita Campinas para ampliar programas conjuntos


O prefeito de Campinas, Jonas Donizette, recebeu nesta segunda-feira, 20 de fevereiro, o embaixador da França no Brasil, Laurent Bili; o cônsul-geral da França em São Paulo, Brieuc Pont; o cônsul honorário da França em Campinas, José Luiz Guazzelli e representantes de empresas francesas instaladas na cidade e outras que têm planos de desenvolver suas atividades no município.

O objetivo da visita é acompanhar o desenvolvimento dos programas e acordos nos âmbitos comercial e da ciência e tecnologia e identificar oportunidades para a ampliar a cooperação entre a cidade e a França. “Esta visita é para que possamos afinar ainda mais os laços de Campinas com a França; laços tecnológicos, culturais e comerciais. No momento que estamos vivendo de retomada de crescimento esse intercâmbio pode ajudar muito a melhorar a vida das pessoas”, disse o prefeito.

A delegação francesa estava acompanhada de empresários que têm interesse em investir em Campinas. “A atração de empresas é importante porque gera emprego, oportunidades na vida das pessoas. A nossa preocupação é mostrar o potencial da nossa cidade e atrair essas empresas para cá”, afirmou Jonas Donizette.

O prefeito lembrou dos programas já embasados em acordos de cooperação com instituições francesas, entre eles o Agropolo Campinas, que envolve empresas, institutos de pesquisa e universidades que atuam nas áreas de Agricultura, Alimentação, Biotecnologia, Biodiversidade, Bioenergia.

Jonas Donizette esteve em março de 2016 na Região Metropolitana de Montpellier, onde funciona o Agropolis semelhante ao Agropolo, para conhecer o forte trabalho da França na área de agricultura e de institutos de pesquisas que, conforme ele próprio assinalou, “tem tudo a ver com Campinas”.

A Prefeitura de Campinas participa do Agropolo fazendo a relação com os institutos de pesquisa e demais órgãos. Participam do Agropolo Campinas, a Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento, por meio do IAC, do Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL) e do Instituto Biológico (IB); a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp); a Associtech Techno Park Campinas e a Associação Francesa. A Embrapa e o Consulado Geral da França em São Paulo são apoiadores do acordo.

O embaixador da França no Brasil, Laurent Bili, falou da importância do intercâmbio entre o País e a cidade e em estreitar os laços. “Temos muito interesses em continuar essa relação que tem dado frutos”, afirmou. Ele também citou o Agropolo, a cooperação de pesquisa e um outro projeto que é o École, convênio entre Prefeitura e a Aliança Francesa de Campinas, que dá formação básica para o ensino da língua francesa para professores da rede municipal. Desde o início do convênio, em 1995, foram beneficiados cerca de 8 mil alunos.

Prefeitura Municipal de Campinas
Fotos: Fernanda Sunega

Comentários

Notícias relacionadas