Consciência Negra: mais de 850 alunos da rede se apresentam no Manoel Lyra


Mais de 850 alunos da rede municipal de ensino de Santa Bárbara d’Oeste se apresentaram nesta segunda-feira (16) no Teatro Municipal Manoel Lyra. Intitulado “Igualdade se pratica todos os dias”, o espetáculo foi realizado pela Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste. As apresentações integram a programação especial em alusão ao Dia da Consciência Negra. O evento busca ilustrar o trabalho que as escolas desenvolveram durante o ano letivo.

 

Segundo a secretária de Educação, Tânia Mara da Silva, a rede municipal de ensino tem avançado em relação ao desenvolvimento das Leis 10.639/03 e 11.645/08. “Colocamos a questão do combate ao preconceito, discriminação e racismo, entre outras práticas que aniquilam o ser humano em nosso trabalho diário nas unidades escolares. O resultado deste trabalho vem sendo mostrado por meio das belíssimas apresentações acompanhadas de reflexões sobre as relações étnico raciais na cidade, no país e no mundo”, comentou.

 

“Nas apresentações culturais conseguimos reunir mais de 800 alunos para referenciar a importância da nossa cultura e o respeito aos povos formadores da nossa nação a partir de experiências bens sucedidas desenvolvidas nas unidades escolares”, disse a assessora técnica pedagógica da Secretaria de Educação, Tatiane Motta.

 

As escolas participantes são: EMEFEIs (Escola Municipal de Ensino Fundamental e Educação Infantil) Professora Maria Augusta Bília, Professora Anália de Lucca Furlan, Professora Iraídes Ferreira Lourenço, Professora Antônia Dagmar Rosolen, Professora Terezinha de J. Soares Quinalha, Professor Augusto Scomparin, CIEPs (Centro Integrado de Educação Pública) Professor Leonel Brizola, Professor José Renato, Professora Therezinha Pacheco Sbravatti, Professora Carmelina Pellegrino Cervone, Padre Victório Freguglia e Angélica Sega Tremocoldi, além da ADI (Área de Desenvolvimento Infantil) Dr. Euvaldo de Queiroz Dias.

 

Mês da Consciência Negra

 

A programação segue em todas as escolas municipais com apresentações culturais internas realizadas pelos participantes do Curso de Música Africana atuantes na Educação Infantil e Ciclo I; exposições e apresentações internas dos trabalhos escolares; exposições fotográficas sobre o tema e exposição de projetos. Confira:

 

Escolas Municipais
De 16 a 30/11- Exposições e apresentações internas dos trabalhos escolares.

 

Secretaria de Educação
Até 30/11, das 9 às 13 horas – Exposições Fotográficas “Consciência Viva” do fotógrafo Ricardo Greggo e “100 % Negro” da artista plástica Rosy Jesus Vaz.
De 16 a 30/11 – Exposição dos projetos didáticos: Ler para estudar a Cultura Afro-brasileira (Baobá) e Cultura Indígena (Fotos- Registro).
Dia 18/11 (quarta-feira), das 19 horas às 21h30 – Abertura da exposição fotográfica “Missão Moçambique” do jornalista Anderson Junque e apresentação cultural dos cursistas de música africana.

 

Foto: Eduardo Deffanti

 

Assessoria de Imprensa

Comentários

Notícias relacionadas