Comissão Processante pode ser ato de retaliação segundo nota oficial da Prefeitura

Após instauração da Comissão Processante, nossa equipe entrou em contato com a assessoria de imprensa da Prefeitura Municipal de Santa Bárbara d”Oeste e recebemos o seguinte pronunciamento.

 

NOTA

 

A denúncia absolutamente não procede, pois a Prefeitura responde rigorosamente, e no prazo legal, a todos os requerimentos do legislativo.

 

A instauração de Comissão Processante pode ser um ato de retaliação de um grupo de vereadores pelo fato da Prefeitura ter retirado todos os projetos de sua autoria em trâmite na Câmara Municipal, sendo que, muitos deles com prazo para votação já vencido sem que a Câmara manifestasse interesse pela sua apreciação.

 

A retirada desses projetos é um direito legal da Prefeitura, pois são de sua autoria.

 

Atenciosamente

 

04/02/2015

 

Redação

Comentários

Notícias relacionadas