24Horas RMC 

CEF adia sorteio das 896 unidades habitacionais em Americana


A Caixa Econômica Federal (CEF) informou que o sorteio das 896 unidades habitacionais dos empreendimentos Vida Nova I e II, em construção na região da Praia Azul,  previsto para esta quarta-feira (29/6), foi adiado.

Por conta do lançamento de uma nova versão  do Sistema Nacional de Cadastro Habitacional, pelo Ministério das Cidades, a transmissão das informações atualizadas dos inscritos ficou prejudicada e o sorteio não poderá acontecer na data prevista anteriormente, no dia 29 de junho.

No último dia 22, o gerente da Superintendência Regional de Campinas, José Baungart, e o gerente de Habitação, Olavo Faraco Junior, da Caixa Econômica Federal, estiveram no Gabinete do prefeito Omar Najar, para informar a retomada das obras das 896 unidades habitacionais dos empreendimentos Vida Nova I e II, em construção na região da Praia Azul.

Interrompida pela empresa responsável pelas construções no governo anterior, o projeto está com 70% das obras concluídas. Após a assinatura do contrato, a empresa Torres Engenharia, vencedora da licitação e responsável pelo término do projeto, terá 12 meses para entregar as unidades habitacionais. O valor total de investimento para a retomada da obra é de R$ 13.441.780,28, sendo o Vida Nova I (R$ 6.748.062,10) e Vida Nova II (R$ 6.693.718,18).

O projeto vai ofertar as unidades do programa Minha Casa Minha Vida, faixa I, destinado, mediante sorteio pela Caixa, às famílias com renda de até R$ 1.800,00. Segundo a Secretaria de Habitação de Americana, mais de 10 mil famílias estão inscritas nos programas habitacionais de Americana.

Assim que for resolvida a dificuldade técnica do Ministério, a Caixa e a Prefeitura de Americana definirão uma nova data para o sorteio, segundo a Secretaria de Habitação e Desenvolvimento Urbano.

 

Unidade de Imprensa

Comentários

Leia também...