Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Campanha “Todos Juntos Contra o Aedes aegypti” é encerrada com mais de 24 mil imóveis visitados


A Campanha “Todos Juntos Contra o Aedes aegypti”, promovida pela Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde, foi encerrada no último sábado (17) com um saldo de mais de 24 mil imóveis visitados. A ação aconteceu aos sábados por aproximadamente três meses, recolhendo durante o período 3,7 toneladas de possíveis criadouros em diversos bairros da cidade. O objetivo foi intensificar as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti no município – transmissor da dengue, zika vírus e chikungunya.

 

Segundo o chefe do setor de controle de endemias, Luiz Eduardo Chimello de Oliveira, o trabalho realizado aos sábados somou esforços às ações que são realizadas diariamente pelas equipes da Divisão de Controle de Vetores. “Durante a campanha contamos com a ação conjunta dos agentes de controle de endemias e dos agentes comunitários de saúde, o que resultou em um contingente capaz de levar orientações a um grande número de imóveis em cada sábado. Nesse sentido, a ação teve bastante sucesso, pois nossas equipes visitaram 24 bairros, em todas as regiões da cidade, levando informações importantes sobre os cuidados necessários para impedir a proliferação do mosquito transmissor das arboviroses Zika, Dengue e Chikungunya. Nosso objetivo para o próximo ano é continuar a trabalhar em parceria com a população para reduzir os focos de mosquito e, consequentemente, prevenir estas graves doenças”, enfatizou.

 

No último dia da campanha, os agentes de controle de endemias e agentes comunitários de saúde visitaram 1.182 imóveis nos bairros Vila Linópolis e Santa Luzia. Nos locais foram recolhidos 300 quilos de possíveis criadouros. Um caminhão esteve no local para transportá-los.

 

A Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste desenvolve diariamente diversas ações de prevenção e combate aos focos do mosquito Aedes aegypti. Entre os trabalhos realizados estão visitas domiciliares com informações à população, visita a pontos estratégicos e imóveis especiais, busca ativa de suspeitos, bloqueio/nebulização, retirada de criadouros, visitas casa a casa, ações de Informação, Educação e Comunicação, ações intersetoriais com as diversas secretarias, além do monitoramento entomológico com o uso de armadilhas em toda área urbana do Município. Por conta de todas essas ações ininterruptas, Santa Bárbara d’Oeste reduziu em 90% o número de casos de dengue em 2016, comparando o número de casos positivos do ano passado.

 

Foto: Marcel Carloni/Arquivo

 

Assessoria de Imprensa

Comentários

Dennis Moraes