fbpx

Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Caminhada Pense Rosa reúne 300 pessoas

Caminhada Outubro Rosa 01 - imprensaA cor rosa, em camisetas e acessórios, tomou conta das principais vias centrais de Santa Bárbara d’Oeste. O objetivo foi conscientizar e alertar sobre a campanha Outubro Rosa e, assim, ressaltar a importância dos exames preventivos do câncer de mama. Desta forma, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, em parceria com a Rede Feminina de Combate ao Câncer promoveu nesta quarta-feira (30) a Caminhada Pense Rosa. Mais de 300 pessoas se reuniram ao lado do Paço Municipal, no Jardim Primavera, rumo à Praça Coronel Luís Alves (Central).

Nesta campanha que durou todo o mês de outubro, os serviços estarão voltados para a saúde da mulher. Na chegada a Praça, as mulheres puderam agendar seus exames de mamografia e papanicolau. O prefeito em exercício, Anízio Tavares da Silva, parabenizou a Secretaria de Saúde e Rede Feminina pela organização. “Há uma preocupação no mundo principalmente pelas mulheres que tem sofrido com a doença. Esse momento quer chamar a atenção da população para os exames preventivos que pode diagnosticar precocemente o câncer de mama”, comentou.

Maria Helena Chinelatto, do lar, 43 anos, nunca fez o exame de mamografia. “Tive uma amiga que teve o câncer e precisou retirar um seio. Esse caso me impulsionou a fazer o exame. A oportunidade da Prefeitura é muito boa para mim e todas as mulheres”, disse. A revisadeira de tecidos, Janete Isabel Castro Marques aproveitou os agendamentos. “Marquei todos os meus exames. Faço todo o ano. Acho muito importante”, frisou. A mesma opinião compartilha a agente administrativa, Fernanda Nunes. “É muito importante fazer os exames, pois, com isso, podemos descobrir precocemente algum problema”, falou.

No município não há fila de espera para mamografias e exame de colo de útero. O município faz uma média de 480 exames mensais de mamografia. “O Centro de Referência em Saúde da Mulher possui dois mastologistas que avaliam as alterações de mama e realizam diagnóstico de casos de câncer de mama. São em média seis diagnósticos mensais de casos novos, sendo encaminhados para tratamento e acompanhamento na Unicamp (Universidade de Campinas)”, complementou a coordenadora do Centro de Referência em Saúde da Mulher, Giseli Araújo.

Prestigiaram também as atividades os vereadores Celso Ávila, Alex Backer e Carlão Motorista.

Assessoria de Imprensa

Comentários

Deixe uma resposta