Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Calcinha absorvente: conheça a peça amiga do seu corpo e do planeta

O ciclo menstrual tem ganhado alternativas sustentáveis e conscientes, como a calcinha absorvente. Saiba mais sobre o item.

 

Embora para muitas pessoas ainda seja um tabu, a menstruação é um processo natural, saudável e essencial para a reprodução humana. A perda de sangue, que acontece todo mês desde que não haja fecundação, deve ser encarada de forma leve e acolhedora, independentemente de fatores como idade e religião.

Para trazer mais conforto às pessoas que menstruam e ainda ajudar a reduzir a produção de lixo que ocorre com o uso de produtos descartáveis, a calcinha absorvente tem se popularizado como uma forma de tornar a menstruação tranquila.

Se você busca uma maneira de substituir os absorventes descartáveis e desenvolver uma relação mais saudável com o processo menstrual, saiba mais sobre a peça e descubra como começar a usá-la.

O que é e como surgiu

A calcinha absorvente, também conhecida como calcinha menstrual, é uma peça íntima desenvolvida para conter o sangue decorrente do fluxo menstrual. Sua recomendação de uso é como uma peça íntima comum. Deve ser utilizada durante a menstruação, porém sem a necessidade de utilizar outros produtos, como absorventes descartáveis ou coletores menstruais.

Relativamente recente, a peça começou a ser produzida durante a década de 2010 por diferentes empresas e projetos. Enquanto o século XX foi marcado pelo desenvolvimento de absorventes descartáveis externos e internos, após os anos 2000 começam a ganhar destaque os produtos sustentáveis e reutilizáveis, como as calcinhas absorventes, os coletores menstruais e os absorventes de pano.

Composição da peça

Para conter o fluxo sanguíneo decorrente da menstruação, que pode ser leve, moderado ou intenso, a calcinha menstrual reúne diferentes tecnologias em relação ao tecido e à estrutura do produto.

As peças utilizam uma junção de tecidos naturais (hipoalergênicos e suaves ao toque com a pele), tecnológicos antibacterianos (responsáveis por evitar a proliferação de bactérias e o aparecimento de odores) e impermeáveis (utilizados para evitar o vazamento do fluxo).

Para apresentar boa ação absorvente, as calcinhas costumam ser confeccionadas em modelagens amplas, comportando bem o fluxo. As peças também são feitas em cores que não destacam manchas, como preto e vermelho, e em modelos confortáveis, reduzindo o desconforto que pode ser frequente no período menstrual.

Uma peça costuma conter 4 ou 5 camadas de diferentes tecidos, dependendo da marca. A estrutura mais comum apresentada nas peças é:

  • Camada 1 (em contato com a pele): tecido natural e suave, como algodão, com ou sem ação antibacteriana;
  • Camada 2: tecido antibacteriano, já com ação absorvente para conter o sangue;
  • Camada 3: segundo tecido com ação absorvente, suficiente para reter o fluxo dentro do período recomendado de uso;
  • Camada 4: tecido impermeável, responsável por evitar que o sangue vaze para outras peças de roupa.

Benefícios

A calcinha absorvente é conhecida por seus diversos benefícios, tanto para quem a utiliza como para o meio ambiente. A peça é confortável e higiênica, oferecendo uma menstruação tranquila e sem preocupação com odores e irritações.

Por serem laváveis e reutilizáveis, elas também são conhecidas por seu papel sustentável. Uma calcinha menstrual pode ser utilizada por aproximadamente dois anos ou 50 lavagens. Em comparação, durante esse período uma pessoa utiliza em média 500 absorventes descartáveis.

Outro fator de destaque no uso de calcinhas absorventes é o desenvolvimento de uma nova relação com a menstruação, mais livre de tabus. Com a reutilização da peça e o processo de lavagem, que muitas vezes é manual, é comum que o sangue menstrual seja encarado de forma mais natural, o que não costuma ocorrer com a utilização de produtos descartáveis.

Como usar

O uso de calcinhas menstruais é simples e pode ser feito por pessoas em qualquer idade, desde a primeira menstruação até a chegada da menopausa. A peça é especialmente recomendada para adolescentes, que estão no início na fase reprodutiva e estão aprendendo a lidar com o período menstrual.

Para usá-la, basta comprar em uma loja de confiança e lavá-la antes do primeiro uso com água e sabão neutro. Após a higienização, vista a peça, verificando a quantidade de sangue presente e a necessidade de troca conforme a intensidade do fluxo. Recomenda-se que a peça seja usada por no máximo 12 horas.