Saúde 

Benefícios do açaí na atividade esportiva

O açaí é um produto alimentar que nos últimos anos vem ganhando bastante espaço no mundo fitness. Aliando-se a frutas como morango e banana e a cereais como a granola, costuma compor uma prato repleto de muitas calorias e supostamente de muita energia para atletas e demais praticantes de atividades físicas.

No entanto quem pratica uma ou mais de uma atividade esportiva precisa ter alguns cuidados com o consumo do açaí. Se você pratica crossfit, corrida, ou até só pedala na melhor bicicleta ergométrica esse artigo é para você. A verdade  é que o açaí é bom para todos os que praticam esporte. Mas, pelo fato de a polpa da fruta ser altamente calórica, é muito importante consumi-la da forma correta, para que os seus benefícios não acabem se transformando em malefícios.

Como consumir açaí corretamente

Há muito pouco consenso entre nutricionistas a respeito da forma correta de se consumir a fruta quando se pratica exercícios físicos. Na verdade, o que os especialistas aconselham é aliar esse consumo ao seu objetivo em relação à atividade física.

Em primeiro lugar é importante explicar que em nenhum caso se deve exagerar na ingestão do açaí. Aquelas tigelas ou bowls que contém a polpa da fruta, além de cereais e outros alimentos com alto teor energético são uma bomba calórica. Contudo quase sempre a fonte dessas calorias não é a ideal para quem é praticante de alguma atividade física.

Isso porque o açaí contém uma concentração muito elevada de gordura. São em média 85 gramas de gordura a cada 100 gramas de açaí. Como se sabe, essa não é exatamente uma boa forma de obter energia, independente do seu objetivo malhando, correndo ou realizando qualquer outro tipo de exercício.

Isso explicado, agora é preciso entender quais são os seus objetivos. Se você quer manter o peso atual ou quer perder alguns quilos, os nutricionistas explicam que o consumo do açaí precisa ocorrer antes da prática esportiva. Isso porque, mesmo com o alto teor de gordura, o açaí ajuda a melhorar o desempenho geral dos atletas.

Caso deseje a hipertrofia, que é a troca da gordura pela massa magra, o melhor é consumir a fruta no pós-treino. A alta dose de proteína do açaí irá ajudar na recuperação muscular.

É preciso, no entanto, ter cuidado com o açaí que você consome. A popularização da fruta no Brasil contribuiu para que dezenas de marcas se lançassem na comercialização do produto. Portanto opte pelas marcas de procedência conhecida e com tradição no mercado.

Outros benefícios do açaí em relação à prática esportiva

Todas as frutas que consumimos são muito eficientes no propósito de turbinar nosso organismo. Com o açaí não é diferente. Além de ser um fornecedor de energia e uma moldador de músculos, essa fruta traz em sua composição elementos naturais e poderosos que podem fornecer muitos outros benefícios a quem é praticante de atividade esportiva.

  1. Deixa o metabolismo mais acelerado

Acelerar o metabolismo é o desejo de todo atleta, seja ele profissional ou amador. Quanto mais rápido o organismo processa todos os elementos que ingerimos, mais rápida é a queima calórica e o ganho de músculos.

O açaí, quando inserido em uma dieta equilibrada e moderada, ajuda no aceleração do metabolismo. Como ele fica mais rápido, os efeitos da sua ou das suas práticas esportivas também são notados com maior rapidez.

  1.  Melhora o desempenho das defesas do organismo

Nenhum atleta quer ficar gripado, resfriado ou quer pegar qualquer tipo de doença viral. Como o açaí tem a presença da antocianina, a substância responsável por dar a cor à fruta, seu consumo ajuda a eliminar os radicais livres, dando mais força ao sistema imunológico.

Isso não é benéfico apenas do ponto de vista dos sistemas de defesa do corpo. Quem consome o açaí tem o envelhecimento de suas células reduzido. Isso é perfeito para quem é atleta, pois torna a carreira esportiva mais longeva.

  1. Evita inflamações

Não importa a atividade física que você pratica. Seja musculação, CrossFit, corrida ou bicicleta, as chances de desenvolver inflamações durante ou pós-treino sempre existem. Ingerir açaí após o treino contribui para a prevenção de processos inflamatórios. Tudo graças à presença de flavonoides em sua composição, que atuam como antioxidantes.

Os flavonoides ainda tem atuação forte na prevenção de outros problemas. Se você têm histórico de complicações cardiovasculares ou mesmo de doenças como Alzheimer ou Parkinson, saiba que o açaí também pode ser de grande auxílio na prevenção dessas questões.

Comentários

Notícias relacionadas