Artigos / Opinião 

Artigo – O autoconhecimento como resposta

O autoconhecimento como método impulsionador

Conhecimento significa compreender por meio da razão ou da experiência. Entretanto o autoconhecimento é como a pessoa se conhece. O criador da Autosofia, João Gonsalves, lançou o livro intitulado “Quem é você? Eu te ajudo a se lembrar”, onde explica a jornada para alcançar o autoconhecimento. O terapeuta aprofundou nos questionamentos que intrigam até hoje a humanidade, são eles:

  • Quem sou eu?
  • De onde venho?
  • Para onde vou?
  • Quem determina o que eu vou viver?
  • Quem decide se vou ser saudável ou doente?
  • Quem decide se vou ser próspero ou vou viver em escassez?
  • Quem decide se vou ser feliz ou infeliz no campo romântico afetivo?

O pesquisador fala que a maior parte do seu livro é uma coletânea de respostas obtidas em estado expandido de consciência. “Através das sessões de Autosofia, muitas pessoas já acessaram uma sabedoria especial e única, desvendando mistérios das suas próprias vidas e de questões da sociedade”, complementa também, “Através da Autosofia esse processo de conscientização é facilitado e as pessoas iniciam uma trajetória ciente de quem são e capazes de realizarem o que desejam para suas vidas.”

Para o terapeuta o autoconhecimento, começa quando o “olhamos para dentro e questionamos com a mente aberta sobre a contribuição pessoal na realidade que se vive”, isto pode ser a fonte da consciência de que as pessoas têm autonomia sobre suas vidas e são elas quem define o que são e o que querem ter, fazer ou ser.

Segundo o pesquisador, buscar respostas dentro do ser humano, leva ao entendimento e ao acesso da verdade. Verdade que pode ser acessada diretamente, sem que sejam necessários intermediários, pessoas iluminadas, mestres, ou outros canais.

João Gonsalves afirma que o ser humano pode alcançar a plenitude em todos os âmbitos de sua vida e possuir total autonomia sobre sua vida afetiva, financeira, sobre sua saúde, desenvolvimento intelectual, sabedoria e inteligência.

 

Site: www.joaogonsalves.com.br

 

Comentários

Leia também...