RMC 

Americana tem notas acima da média no Ideb


Americana ficou com notas acima da média do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) dos anos iniciais do Ensino Fundamental (1º ao 5º) para 2015. Das dez escolas do Ensino Fundamental, apenas uma não alcançou o índice previsto, que era 6,9 e ficou com 6,6. O Ideb foi divulgado pelo Ministério da Educação neste mês.

Conforme os resultados, o Ensino Fundamental anos iniciais (1º ao 5º ano) foi a etapa de destaque. A meta prevista era de 5,2 e o resultado alcançado foi de 5,5. Somente nessa etapa são 117,9 mil escolas e 15,5 milhões de alunos, considerando-se a rede pública e a rede privada. 82,5% dos alunos dessa etapa pertencem à rede pública municipal.

Segundo a Secretária de Educação de Americana, Juçara Novelli, os números do Ideb para a Rede Municipal mostram que, apesar das dificuldades financeiras do município, há um esforço constante e diário dos gestores, professores, pedagogos e funcionários na busca pela melhoria na qualidade da educação básica. “No ano passado e neste, investimos mais de R$ 2 milhões em reformas e obras em nossas escolas. A Rede Municipal de Americana sempre foi referência na educação. Queremos aumentar ainda mais os investimentos. Nossa meta é sempre nos superarmos”, afirmou Juçara, feliz com os números do Ideb para as escolas municipais.

O Ideb foi criado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, órgão do Ministério da Educação (Ineb) em 2007, em uma escala de zero a dez. Sintetiza dois conceitos igualmente importantes para a qualidade da educação: aprovação e média de desempenho dos estudantes em língua portuguesa e matemática. O indicador é calculado a partir dos dados sobre aprovação escolar, obtidos no Censo Escolar, e médias de desempenho nas avaliações do Inep, o Saeb (O Sistema de Avaliação da Educação Básica)  e a Prova Brasil.

O índice nos anos iniciais do Ensino Fundamental vem evoluindo progressivamente desde que o Ideb começou a ser calculado, em 2005, permitindo o monitoramento das escolas e das redes de ensino. O Ideb passou de 3,8, em 2005; para 5,5, em 2015, superando as metas estipuladas.

 

Confira os números:

ESCOLAS   MUNICIPAIS DE  AMERICANA – ENSINO  FUNDAMENTAL

 

                       NOME          IDEB  2015IDEB  PREVISTO
 4º e 5ºano8º e  9ºano4º e 5º ano8º e 9º ano
CIEP Profª Oniva de Moura Brizola

 

  6,0** Sem média na Prova Brasil 2015: Não participou ou não atendeu os requisitos necessários para ter o desempenho

calculado

5,85,4
CIEP Profº Milton Santos6,46,1

 

5,7——
CIEP Profª Maria Nilde Mascellani

 

6,55,46,56,2
CIEP Profª Philomena Magaly Makluf Rossetti

 

7,1——6,5——–
CIEP Profº Anisio Spinola Teixeira

 

7,25,56,05,4
EMEF Profª Darcy Ribeiro

 

7,2——-6,6——-
EMEF Profº Florestan Fernandes

 

6,65,96,96,5
CAIC Profº Sylvino Chinelatto

 

6,75,06,65,4
EMEF Profª Paulo Freire

 

7,47,26,06,5
CIEP Octávio C Borghi

 

6,1—-5,7

 

http://ideb.inep.gov.br/resultado

ENC: IDEB – 2015

 Escolas  Municipai                 Escolas Estaduais                         

AnoMédia Anos

Iniciais

Média

Anos

Finais

AnoMédia

Anos

Finais

Média

Anos

Finais

   20055,24,5
20075,55,020075,14,6
20096,45,420095,94,6
20116,15,620115,94,8
20136,55,720136,15
20156,85,720156,85,1

 

Secretaria de Planejamento SEPLAN

estatística@americana.sp.gov.br

 

Unidade de Imprensa

Roberto Andrade

Comentários

Leia também...