Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

A importância da impressão no comércio

Entenda como o comércio foi afetado pelo desenvolvimento da impressão e quais foram as mudanças mais significativas nesse meio.

 

Antes de existir a impressão, todas as escritas eram feitas manualmente em materiais nobres, argila, papiro ou até mesmo pergaminhos. Com o passar dos anos, os chineses desenvolveram um novo método para reproduzir essas impressões.

 

Esse novo processo, chamado de Xilografia, permitiu fazer as impressões com a ajuda de tábuas de madeira.

 

Para que as impressões pudessem ser registradas, era necessário passar tinta em cima dessas placas de madeira para depois “carimbar” o conteúdo na superfície desejada.

 

Ao longo dos anos, as técnicas de impressão foram se desenvolvendo cada vez mais, permitindo o surgimento de jornais, revistas e todas as impressões que conhecemos atualmente.

 

As informações passaram a ser propagadas com muito mais rapidez, alterando o comportamento de consumo e até mesmo a cultura de todo o mundo.

Por que a impressão ainda é essencial?

Com o surgimento da impressão e o desenvolvimento dessas novas técnicas, a sociedade passou a ser muito influenciada culturalmente. Isso permitiu expandir a literatura e a divulgação de notícias e informações sobre diferentes assuntos.

 

Já imaginou não poder imprimir uma revista, jornal, livro ou qualquer outro tipo de documento? As impressões estão presentes em quase tudo o que vemos hoje, principalmente em produtos, o que torna o mercado muito dependente disso.

 

Entretanto, o avanço tecnológico normalizou fortemente o uso de telas para projeção de materiais que antes poderiam ser impressos normalmente.

 

Ainda assim, essa adesão não é muito viável no Brasil, pois exige um investimento financeiro e industrial bastante massivo para sua implementação.

 

No comércio, por exemplo, as impressões são essenciais na identificação de produtos, decoração, precificação e até mesmo na identidade visual da marca.

Importância da impressão no comércio

Investir na comunicação visual é essencial para quem tem qualquer tipo de comércio, isso pode alavancar as vendas e conquistar novos consumidores.

 

Há várias formas de fazer isso, mas uma das mais utilizadas é a impressão em alguns itens, como banners, folhetos, revistas ou jornais, que são muito importantes para a divulgação das marcas e dos produtos.

Uso mais comum das impressoras

  • Impressão de banners;
  • Impressão de folhetos;
  • Impressão de etiquetas;
  • Impressão de código de barras.

 

Os banners, por exemplo, ajudam na divulgação de mercadorias. O produto pode ser exposto em promoção para atrair os olhos do consumidor e despertar mais interesse através dos inúmeros tipos de impressos próprios para o ponto de venda.

 

A impressão de folhetos com produtos em promoção ou em destaque ajuda a estabelecer uma comunicação mais próxima com o consumidor, além de atrair novos clientes e permitir a divulgação do comércio.

 

As etiquetas são extremamente importantes para identificação do produto. Elas podem ser informativas, com rótulos ou preços. Isso passa mais confiança e influencia bastante na decisão de compra do consumidor.

 

O código de barras ajuda a identificar o produto, o preço e controlar o estoque.

 

Entretanto, alguns comércios e setores não possuem condições financeiras para aderir tais meios que permitam viabilizar e expandir seus negócios, como mercados de vila ou os hipermercados que ainda anunciam seus produtos em cartazes feitos a mão.

 

Já os veículos de comunicação impressos, como jornais e revistas e outros tipos de instituições como as de ensino, adotam a impressão com o objetivo de informar, entreter, educar ou manifestar alguma forma de arte de modo mais viável e acessível.

Setores que dependem da impressão

Os comércios em geral adotaram o uso das impressões para produzir banners, panfletos, cartazes, materiais de divulgação e até alguns vale-presentes. Isso também serve para os materiais de endomarketing, comunicação interna e brindes em geral.

 

Nos restaurantes, por exemplo, há vários tipos de impressões para produzir os cardápios, vouchers e informações gerais sobre o local, como as placas.

 

Já em buffets ou organizadoras de eventos, a impressão serve de apoio na produção de quadros de assinaturas, cardápios, convites e listas para exibição em geral (presentes, convidados, etc.)

 

Editoras e empresas fornecedoras de materiais de papelaria, como livros, cadernos, apostilas, agendas, jornais, revistas, folhetins, tabloides, calendários ou brindes também são completamente dependentes da impressão.

 

A impressão é essencial para as escolas, onde há diversos livros e outros impressos para uso didático, além de impressão para comunicação interna, documentação e arquivamento. Além das folhas de rascunho personalizadas como provas, papel carta e outros itens de papelaria própria.

 

Nos cinemas, teatros e outros entretenimentos, podemos encontrar impressões em cartazes, pôsteres, totens de personagens em tamanho real, ingressos e embalagens especiais que não puderam ainda aderir telas de projeção, monitores e outros meios por vias de custo.

Tipos de impressoras mais utilizadas no comércio

Impressoras de jato de cera

Esse modelo é composto de um polímero baseado em resina, atóxico e que lembra bastante um giz de cera. Ela também reduz em 90% o desperdício na hora de imprimir.

Impressora 3D

A impressão 3D permite construir rapidamente e de forma mais simples vários objetos personalizados. Além disso, esse tipo de impressão diminui a quantidade de perdas, otimiza os processos e traz uma série de benefícios nas mais variadas aplicações.

Impressora de jato de tinta

É considerada o tipo mais comum do mercado, sendo indicada para uso residencial e no caso de pequenos comércios. Além disso, oferece uma impressão com boa qualidade e fidelidade às cores.

Impressora a laser

Por fim, a impressora que melhor pode ser utilizada pelas empresas e comércios é a impressora a laser.

 

As impressoras a laser eram mais encontradas em ambientes como escritórios, porém, a tecnologia acabou se popularizando e esse modelo passou a ser uma ótima opção para residências e comércios também.

 

Para quem precisa economizar tempo, esse tipo de aparelho é o mais recomendado.

 

Os comércios que necessitam de maior produtividade, devido à velocidade de impressão ou quantidade de páginas, priorizam o uso da impressora a laser, pois o toner (o suprimento de recarga) oferece alto rendimento para isso.

 

De modo geral, a impressão ainda é um meio que permite se comunicar e informar com baixo custo e que faz parte do dia a dia da maior parte dos brasileiros com uma importância que nem sempre é percebida.