SB24Horas

Notícia na hora certa!

15 alimentos que aumentam a libido sexual e te fazem ser fera na cama. Será?

Chocolate, morango e vinho são velhos conhecidos entre os casais que desejam esquentar a paixão, especialmente após passar pela pandemia

 

A pandemia de Covid-19 teve reflexos nos relacionamentos, na economia e também na saúde física e mental das pessoas. Com todos esses impactos de uma só vez, houve também diminuição da libido, o apetite sexual.

 

Um estudo publicado na revista Urominas, periódico científico oficial da Sociedade Brasileira de Urologia de Minas Gerais, indicou que, neste período, 68% dos pacientes notaram redução do desempenho sexual em algum grau.

 

A causa do problema sexual poderia estar relacionada à nova situação em suas vidas, afinal as mudanças impostas pela pandemia podem afetar o nosso psicológico.

 

Para voltar a ter uma vida sexual de qualidade, é preciso tratar as causas. A retomada do convívio social, a conquista de um novo emprego, entre outros fatores, aliados a um tratamento terapêutico e/ou medicamentoso pode, aos poucos, trazer à tona o interesse pelo sexo.

 

O que também pode auxiliar é o consumo de determinados alimentos que estimulam e despertam a libido. Veja quais são eles e como eles agem no organismo para favorecer a hora H:

Abacate

A fruta fornece potássio, vitamina B6 e gorduras monoinsaturadas, essenciais para manter o coração e a circulação sanguínea em dia, garantindo que o sangue flua por todo o corpo, algo importante para uma vida sexual ativa.

Amêndoa

Esse fruto tem o poder de aumentar a paixão, agir como um estimulante na hora do sexo e auxiliar na fertilidade. Tudo isso porque a amêndoa é rica em vitaminas e minerais, como  zinco, selênio e vitamina E.

Banana

A banana é rica em vitamina B, que é essencial para a produção de hormonas sexuais. Ela também contém bastante potássio, nutriente importante para os músculos e que torna o orgasmo mais intenso.

Baunilha

Antes mesmo de chegar ao paladar, o aroma da baunilha atinge o hipotálamo, região do cérebro que ativa a memória e a emoção, evocando sentimentos e sensações que fazem a diferença na hora do sexo.

Chá verde

Uma xícara de chá quente verde pode tornar a sua vida sexual mais caliente. A bebida possui um composto chamado catequina. Sua função é eliminar os radicais livres que inflamam os vasos sanguíneos, aumentando, portanto, a capacidade de transporte sanguíneo.

Chocolate

O chocolate é um conhecido afrodisíaco, principalmente nas versões mais puras e amargas O cacau contém feniletilamina, um estimulante que produz dopamina e serotonina – os neurotransmissores da felicidade. O chocolate também possui flavonóides, que relaxam os vasos e aumentam o fluxo sanguíneo.

Melancia

Rica em citrulina, esta fruta contribui para o sexo pois é muito boa para os sistemas cardiovascular e imunitário. A citrulina eleva o óxido nítrico, que expande os vasos sanguíneos e promove uma melhor circulação.

Morango

O morango é um famoso fruto afrodisíaco. A explicação está na alta concentração de metilxantinas, substância com atividade antioxidante que beneficia o coração e as suas artérias, além de ativar a libido.

Ostras

O segredo das ostras é a quantidade de zinco que possuem. Esse mineral é capaz de aumentar a libido e o desejo sexual, além de intensificar a produção de testosterona. A ostra também é um alimento que proporciona energia indispensável para a transa.

Ovos

Seja de galinha ou de codorna, os ovos são boas fontes de vitaminas do complexo B. Elas estão relacionadas à produção de esperma e do antioxidante chamado coenzima Q10, que protege contra os radicais livres e seus danos.

Pimenta

A mesma substância que dá picância ao condimento, a capsaicina, também tem efeito termogênico, que contribui para aumentar levemente a circulação sanguínea, essencial para o desempenho sexual. Quanto mais forte a pimenta, como a malagueta, mais benefícios ela proporciona.

Romã

As pequenas bolinhas deste fruto têm ação antioxidante, expandindo os vasos sanguíneos, facilitando a circulação de sangue e deixando homens e mulheres com sensibilidade à flor da pele.

Rúcula

Os minerais e antioxidantes presentes na rúcula e em outras verduras de folhas escuras, como a couve e o espinafre, ajudam a bloquear a absorção de certos dos contaminantes ambientais capazes de afetar negativamente a libido.

Salmão

Peixes gordurosos como o salmão contém uma boa quantidade de  ácidos graxos ômega-3, essenciais para o funcionamento cardíaco, vitamina B-6, que mantém a saúde sanguínea e saudável de sangue. O alimento ainda ajuda a aumentar os níveis de dopamina no cérebro.

Sementes de abóbora

As sementes são as melhores fontes de zinco entre os vegetais. Ele tem papel fundamental no desejo sexual, principalmente para os homens, pois pode aumentar os níveis de testosterona.

Vinho

Figurinha carimbada em jantares românticos, o vinho é um clássico afrodisíaco. Ele contém um poderoso antioxidante, o resveratrol, e, ao combater os radicais livres, que pode levar a um clima de descontração e romance, influenciando no apetite sexual.

 

Incluir estes alimentos na dieta é uma ótima maneira de manter a saúde em dia e de retomar a vida sexual, aliviando os impactos sentidos durante a pandemia. Além dos alimentos, você também pode tentar apimentar a relação com vibradores, ou usando outros brinquedos que trazem novidade à vida do casal.