RMC

Sete veículos estão quebrados e 192 de Americana opera com uma ambulância, aponta levantamento de vereador


O vereador Welington Rezende (PRP) apresentou durante a sessão desta quinta-feira (23) um levantamento para a Comissão de Saúde da Casa apontando a precariedade das ambulâncias municipais e do 192, serviço de urgência e emergência de Americana.

Rezende constatou que o 192 opera com apenas uma ambulância na cidade. O único veículo que atende aos chamados está com documentação vencida, vazamento no tanque de combustível, borracha de pedais danificada, amortecedor e suspensão avariadas, falta de estepe, parte elétrica do baú com aquecimento e falta de sistema de radiocomunicação.

Sete motoristas, que se revezam em um quadro de déficit de profissionais, são obrigados a se comunicar via WhatsApp. Os profissionais trabalham em escala de 12 por 36 horas.

Ainda, o vereador identificou problemas na linha telefônica do 192. Discados em Americana, os chamados, dependendo da localidade do morador, são atendidos em centrais de Campinas e Paulínia.

O parlamentar também constatou em vistoria à sede do 192 local inadequado para lavagem da ambulância.  Sangue e materiais contaminados, por exemplo, entram em contato com o solo do estacionamento da unidade, onde há entra e sai de pessoas.

“A equipe de enfermagem, que deveria estar auxiliando no atendimento das ambulâncias, fica na sede do 192 para atender telefone porque não houve a contratação de telefonista. É frequente não ter como atender todos de imediato. Ligam dizendo que uma criança está com falta de ar e a viatura sai e três minutos depois ligam dizendo que outra criança está convulsionando. E a criança fica esperando. Isso é comum”, destacou Rezende.

Enfermeira-coordenadora do 192, Adriana Pacheco destacou durante a fiscalização do parlamentar que o setor precisa de ao menos mais dois veículos básicos para atendimento.

 

VEÍCULOS QUEBRADOS

 

 

Paralelamente à falta de veículos, Rezende encontrou, na garagem municipal, cinco ambulâncias e dois veículos para o transporte pacientes parados por falta de peças e manutenção há pelo menos seis meses. Os veículos pertencem à Secretaria Municipal de Saúde.

Os veículos estão em péssimo estado de conservação, com tranca da porta de correr quebrada, faróis quebrados, lataria avariada, grade frontal amarrada com arames, falta de bateria, falta de rodas e pneus, filtro de ar retirado e ausência de discos de freio.

“Nosso objetivo é arrumar essas ambulâncias e ceder algumas para o 192 ter as mínimas condições de trabalho”, explicou Rezende.

 

Assessoria de imprensa

Comentários
Redação
Criado e desenvolvido por Dennis Moraes, o site SB24horas surgiu em 08 de janeiro de 2013. Após um tempo na cobertura de eventos, criou o portal com o objetivo de levar a informação regional ao mundo, através da web. Atualmente o portal ultrapassou a marca de 350 mil visualizações mensais. Nossa Visão Ser reconhecida pelo maior número de pessoas e se tornar referência entre os meios de comunicação da Região Metropolitana de Campinas, com o pioneirismo da TVWeb. Nossos Valores Compromisso com a verdade; Apuração dos fatos; Compromisso com a qualidade; Transparência, integridade e idoneidade; Comportamento ético; Responsabilidade com o público;
http://sb24horas.com.br