PALMEIRAS RECEBE O LÍDER CORINTHIANS EM CLÁSSICO DECISIVO

Pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro, Palmeiras e Corinthians fazem na noite desta quarta-feira, às 21h45, no Allianz Parque, um dos jogos mais importantes da temporada. Separados por 12 pontos na tabela de classificação, o resultado do segundo dérbi no ano do centenário do clássico pode deixar o time do Parque São Jorge ainda mais disparado na ponta, ou renovar as esperanças palmeirenses em busca do bicampeonato.

Com 32 pontos em 11 rodadas, o Corinthians tem o incrível aproveitamento de 88,9% dos pontos conquistados e já abriu nove pontos de vantagem para o Flamengo, segundo colocado. Em quinto, com 19 pontos, o Palmeiras sonha em entrar na briga pelo título e, para tanto, precisa vencer e encurtar a distância para o rival.

Após obter uma sequência positiva com quatro vitórias seguidas na competição, o Palmeiras perdeu por 3 a 1 para o Cruzeiro na última partida do Brasileirão e caiu para a quinta colocação com 19 pontos. Jogando diante do seu torcedor, o time alviverde não perdeu: quatro vitórias e um empate.

Liberado da equipe nas últimas partidas para acompanhar a recuperação do seu filho, o meia Guerra deve retornar, assim como o atacante Borja, que não atuou o último jogo por causa de indisposição estomacal. O volante Felipe Melo, que não joga há um mês devido a uma lesão muscular, também está recuperado.

Sem perder há 26 partidas – desde o dia 19 de março -, o Corinthians vem de quatro vitórias seguidas no torneio e disparado na liderança com 32 pontos. Se vencer, pode abrir até 12 pontos para o segundo colocado. Fora de casa, o time alvinegro não sabe o que é uma derrota na competição: são quatro vitórias e um empate.

Suspenso na última partida, o lateral direito Fagner volta ao time do técnico Fábio Carille. Desta maneira, o treinador deve ter todos os seus titulares à disposição e a equipe base deve ser mantida.

Ficha Técnica:

Palmeiras: Fernando Prass; Mayke, Mina, Luan e Egídio; Thiago Santos (Felipe Melo), Tchê Tchê e Guerra; Dudu, Róger Guedes e Willian (Borja).
Técnico: Cuca.

Corinthians: Cássio; Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel, Maycon, Jadson e Rodriguinho; Romero e Jô.
Técnico: Fábio Carille.

Árbitro: Leandro Pedro Vuaden – RS (CBF)
Árbitro Assistente 1: Jose Eduardo Calza – RS (CBF)
Árbitro Assistente 2: Mauricio Coelho Silva Penna – RS (CBF)
Quarto Árbitro: Jorge Eduardo Bernardi – RS (CBF)

 

Fonte: FPF