Pacientes do Edison Mano recebem orientações sobre “Classificação de Risco”


A Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste, por meio da Secretaria de Saúde em parceria com a Faculdade Anhanguera, promoveu nesta sexta-feira (26) no Pronto Socorro “Dr. Edison Mano”, na área central, uma atividade de orientação sobre o sistema de Acolhimento com Classificação de Risco para atendimento nos Prontos Socorros. Na atividade os pacientes receberam orientações sobre o sistema e puderam esclarecer dúvidas sobre o seu funcionamento. Participaram da ação aproximadamente 150 pessoas.

 

As atividades foram ministradas pelos estagiários do 9º período do curso de enfermagem da Faculdade Anhanguera, com supervisão da enfermeira Miriã Tonus de Oliveira Alves e da responsável técnica de enfermagem do Pronto Socorro, Alessandra Zanfrilli. Foram adorados os temas: o que é a classificação de risco; o que preconiza o Ministério da Saúde; tempo de espera; significado de cada cor – vermelho, laranja, amarelo, verde e azul – além de dúvidas inerentes ao tema.

 

Segundo Alessandra, esse tipo de ação educativa é muito importante, principalmente quando o tema em questão envolve a saúde das pessoas. “A classificação por cores é algo novo no município e os usuários do SUS (Sistema Único de Saúde) ainda não estão totalmente habituados quanto a sua utilização. Entendemos que, pela novidade, no início podem existir algumas dúvidas, que com esse tipo de atividade podem ser esclarecidas, levando informação ao público alvo, minimizando dúvidas e absorvendo novas sugestões”, destacou.

 

Classificação de Risco

 

No final de 2015, a Prefeitura implantou o sistema de Acolhimento com Classificação de Risco para atendimento nos Prontos Socorros. A iniciativa visa otimizar o atendimento na Rede de Urgência e Emergência, por meio de um processo dinâmico, de identificação dos pacientes que necessitam de tratamento imediato, de acordo com o potencial de risco, agravos à saúde ou grau de sofrimento.

 

Assessoria de Imprensa

Comentários