LBV em Americana comemora 60 anos de trabalhos dedicados ao povo

Ao longo dessas décadas, foram muitas as realidades transformadas.

 

Americana, noroeste da capital paulista — 23 de julho de 1957, quinta-feira. Os primeiros raios de sol marcavam o início da trajetória da Legião da Boa Vontade (LBV) no município. Em um pequeno cômodo, no bairro central da Princesa Tecelã, a Instituição passou a socorrer famílias em situação de vulnerabilidade social com doações de agasalhos e alimentos. Assim começava o trabalho que hoje completa 60 anos na cidade.

Por conta da ampliação de suas atividades, com a ajuda dos valorosos colaboradores da Entidade, Salvador Mancini e Marcílio Cons, a LBV adquiriu um terreno que propiciou a construção da Escola de Marcenaria Alziro Zarur. No local, meninos de baixa renda aprendiam, com a supervisão de instrutores capacitados, a profissão que, tempos mais tarde, poderia lhes render estabilidade financeira.

Isso, de fato, ocorreu na vida do sr. José Alves de Jesus Pereira, hoje voluntário na Entidade e empresário bem-sucedido no ramo de móveis planejados. Quando adolescente, foi matriculado pela mãe Ambrosina Pereira no curso de marcenaria, oferecido gratuitamente pela LBV. “Eu entrei na Escola de Marcenaria com 14 anos e passei a participar das diversas atividades que a Entidade oferecia, dentre elas, tarefas profissionalizantes, aulas de música e o reforço escolar, sem contar a alimentação”, relembra.

Anos após a conclusão do curso, foi convidado pela então responsável das atividades da Instituição na cidade, Eugênia Mancini, a continuar na Escola, mas desta vez como instrutor dos alunos. “Com a experiência que adquiri na LBV, montei uma marcenaria e hoje tenho a grata satisfação de retribuir à Instituição todo o benefício proporcionado a mim. Tudo o que tenho hoje, devo à Legião da Boa Vontade, que me deu essa oportunidade. Por isso, quero felicitá-la pelos seus 60 anos”, contou.

A sra. Eugênia Mancini, de 97 anos, juntamente a outros valorosos Legionários da Boa Vontade, vivenciou os primórdios da Instituição na cidade. “No início do trabalho da LBV enfrentamos muitos desafios, mas foi muito bonito também. Foram tempos árduos, naturalmente, mas foram tempos muito bons. Hoje a LBV continua fazendo seu belo trabalho, graças a Deus”, observou.

LBV em Americana e a ênfase à capacitação profissional

No decorrer de seis frutuosas décadas, a Legião da Boa Vontade intensificou seu atendimento, propiciando a transformação de vida das famílias que receberam seu amparo. Atualmente, a Entidade desenvolve os programas:

Capacitação e Inclusão Produtiva: que tem por objetivo despertar valores no Bem, preparar jovens e adultos para a entrada ou a reinserção no mercado de trabalho, potencializando talentos e oferecendo instrução de qualidade.

Ao longo dessas décadas, foram muitas as realidades transformadas. Um desses casos é o da sra. Maristela Zago, que encontrou na Legião da Boa Vontade a chance que aguardava, após sofrer um desafio familiar. Inscrita no programa Capacitação e Inclusão Produtiva, em 2016, viu de perto sua vida mudar completamente. “Me surpreendi com o atendimento, porque recebi mais do que esperava”, diz ela, que atribui carinho, afeto, amor e dedicação como adjetivos da LBV.

“Fiquei sensibilizada com as palavras de incentivo por parte dos profissionais da Instituição. Em nenhum momento me vi sozinha, e isso fez diferença em minha vida”, recordou. Admiradora do trabalho da LBV, a dona de casa fez questão de inserir o filho Edmilson Junior no curso gratuito de Informática.

E o Jovem: Futuro no Presente!: que oferece um espaço de referência para o convívio em grupo e o desenvolvimento de relações saudáveis, solidariedade, respeito mútuo e construção de novos conhecimentos, atitudes e valores, os quais são realizados por meio de ações reflexivas, culturais, recreativas e esportivas, colaborando para o desenvolvimento integral e proteção social dos adolescentes e jovens.

Tantas histórias de superação ilustram o esforço da LBV em transformar, para melhor, a vida de tanta gente. Jackson de Jesus Junior integrou o programa Jovem: Futuro no Presente!. Ele conta que, após participar das atividades realizadas no Centro Comunitário de Assistência Social sua vida ganhou mais sentido. “Posso dizer que antes eu era egoísta, não tinha humildade e era descompromissado com as próprias responsabilidades. Hoje sou muito diferente. Levo adiante as coisas que aprendi na LBV. Mobilizo as pessoas para colaborarem com alimentos e produtos de higiene pessoal, e os itens são direcionados a entidades municipais”, pontuou.

É válido ressaltar que, no Brasil, a LBV trabalha há mais de 67 anos pela valorização do Ser Humano e de seu Espírito Eterno. Suas iniciativas fundamentam-se na linha educacional criada pelo educador Paiva Netto, composta pela Pedagogia do Afeto e pela Pedagogia do Cidadão Ecumênico, e tem por objetivo formar “Cérebro e Coração”.

LBV em Americana: histórias que mostram a grandiosidade do atendimento

O sr. Anderson Rodrigues Ferreira se beneficiou desse modelo de aprendizagem por também ter feito parte do programa Capacitação e Inclusão Produtiva. Precocemente aposentado por conta de uma deficiência cognitiva, ele relatou que não acreditava em sua capacidade de aprendizado. Mas, com o apoio da Legião da Boa Vontade, se viu capaz de aprender! “Admiração é o que sinto pela Entidade. O tratamento das pessoas, os assuntos ensinados pelos instrutores são motivos de grande alegria para mim. Receber um certificado significa que estou conseguindo superar minhas limitações”, disse.

Em reconhecimento ao trabalho, diversos atendidos retornam para agradecer e felicitar a LBV pela importante marca alcançada no município. O sr. Joaquim do Nascimento, atendido pela LBV em 2014, fez questão de enaltecer a incansável devoção do dirigente da Instituição, José de Paiva Netto. “É um homem que transmite muita Paz e Fraternidade, e as famílias se sentem abraçadas. Que Deus o ilumine, para que possa continuar levando alegria aos que precisam da Instituição”, afirmou.

Você ajuda, a LBV faz!

“A Legião da Boa Vontade está de parabéns, pois, são 60 anos de ações benemerentes ao povo. No princípio, tantas crianças e adolescentes já foram aqui amparados, e hoje, continuamos contribuindo para melhorar a qualidade de vida de adolescentes, jovens, adultos e idosos que integram os programas socioassistenciais. O trabalho continua e continuará por mais 60 anos, se Deus quiser”, destacou a gestora municipal da LBV, Claudia Morais.

Todas as atividades desenvolvidas são fruto de um trabalho realizado em parceria com o povo brasileiro, que ajuda a Legião da Boa Vontade a ampliar suas ações e a fortalecer esses vínculos, auxiliando crianças, jovens, mulheres e idosos de baixa renda a superarem seus desafios.

Em Americana/SP, o Centro Comunitário de Assistência Social da LBV está localizado na Rua da Boa Vontade, 145 – Jd. Bela Vista. Para outras informações, ligue: (19) 3461-0131.

Comentários