Jesus quer saber sobre a atual situação da frota da Guarda Civil

As atuais condições da frota de viaturas da Guarda Civil de Santa Bárbara d’Oeste motivou o vereador Valdenor de Jesus Gonçalves Fonseca, o Jesus Vendedor (DEM), a protocolar requerimento de informações à Administração Municipal. No documento, o parlamentar ressalta que visitou a Garagem Municipal, onde identificou diversos veículos parados, dependendo de manutenção ou conserto, em alguns casos há mais de quatro meses, sem qualquer previsão de retorno às ruas.

 

VEJA O REQUERIMENTO AQUI

“Tenho recebido várias reclamações de munícipes sobre o não atendimento de ocorrências por parte da Guarda Civil Municipal. Segundo informações, esse atendimento não é realizado por falta de viaturas à disposição da corporação”, afirmou o parlamentar, destacando, ainda, que os serviços prestados pela Guarda são de extrema importância, uma vez que esses servidores desempenham o importante papel de zelar pelo patrimônio público, preservar a segurança e combater a criminalidade em âmbito municipal. “Diante dessa situação, a população tem se sentido insegura e reivindicado melhorias no setor”, afirmou.

No pedido de informações, Jesus indaga qual é o número total de viaturas da Guarda Municipal e pede que a Prefeitura especifique o tipo de veículo, assim como sua data de aquisição e respectivo custo aos cofres públicos. O número de viaturas atualmente à disposição da corporação, assim como o total de veículos parados são outros questionamentos feitos pelo parlamentar, que também pede especificação do valor estimado para o conserto e a previsão de retorno às ruas de cada veículo.

Jesus também pergunta o número de ocorrências que deixaram de ser atendidas em 2017 por falta de viaturas e se esses veículos passam por manutenção preventiva ou periódica. O valor gasto com manutenção e consertos em 2017 apenas para veículos da Guarda Municipal, a existência de algum convênio para a aquisição de novas viaturas ou de algum contrato para a realização de serviços de manutenção são outras informações solicitadas pelo parlamentar.

Jesus Vendedor aproveita o requerimento para questionar a frequência com que esses veículos são abastecidos, qual o valor gasto pago em 2017 e qual o posto responsável por esse serviço, pedindo também cópia do contrato e da concorrência pública para contratação dessa empresa. Ele questiona, também, se houve atraso no c pagamento ao posto de combustível em determinado período de 2017 que causasse a interrupção ou redução do abastecimento de viaturas, quando isso ocorreu e por quanto tempo perdurou.

O parlamentar também questiona o motivo dos dois diciclos adquiridos pela atual Administração para a realização de patrulhamentos no Centro não estarem sendo utilizados. Jesus pergunta, por fim, o valor da aquisição destes equipamentos, o gasto mensal para sua conservação e onde eles estão guardados.

Comentários