Guarda Civil de Capivari atende quase 1.800 ocorrências entre janeiro e junho

Relatórios da Secretaria Municipal de Segurança Pública, divulgados nesta semana, apontam que a Guarda Civil de Capivari atendeu 1.769 ocorrências entre janeiro e junho de 2017. Os gráficos também indicam que os agentes fizeram 5.389 travessias de alunos e 1.391 coberturas em regiões de escolas municipais e estaduais.

 

No primeiro semestre deste ano, foram 69 eventos cobertos pelos agentes da corporação. Mais de 5.640 ligações foram recebidas pela Central de Comunicação da Guarda Civil, que atende pelo 153. Atualmente, a Guarda Civil conta com 13 viaturas entre motos, carros e base móvel. São quase 90 homens e mulheres, que se revesam para atender as ocorrências 24 horas por dia, sete dias por semana.

 

Para o prefeito de Capivari, Rodrigo Proença, os números são muito expressivos, principalmente os de coberturas escolares. Segundo ele, a Guarda Civil faz um trabalho comunitário sério, e é respeitada pelos cidadãos. “A gente percebe que os Guardas são queridos e respeitados pelas crianças e jovens das escolas, assim como por toda a população de bem, graças ao trabalho social desenvolvido pela corporação”, afirma.

 

Nesse semestre, mais de 400 crianças participaram do PROMAD – Programa Municipal Antidrogas, ministrado por Guardas Municipais, que aborda assuntos sociais como combate às drogas e a violência e bullying, segurança no trânsito. O Canil da Guarda também conta com seis cães treinados para faro de entorpecentes e proteção.

 

Comentários