Ferroviária vence Palmeiras, Red Bull derruba invicto e Ituano vira líder

Estão na liderança Santos, Ituano, Ferroviária e Corinthians que tem a melhor campanha geral

O domingo (28) não foi nada bom para os cabeças de chave que estiveram em campo no fechamento da sétima rodada do Paulistão Itaipava. O Palmeiras perdeu para a Ferroviária, por 2 a 1, enquanto Santos caiu diante do Red Bull, por 2 a 0, perdendo a sua invencibilidade. No sábado (27), o São Paulo tinha perdido para a Ponte Preta, por 1 a 0, e só o Corinthians venceu, com um gol no último minuto, o Oeste, por 1 a 0.

O Corinthians lidera a classificação geral com 17 pontos e está invicto agora só ao lado do São Bento. A rodada também deu a primeira vitória ao Novorizontino, único time que ainda não tinha comemorado três pontos em uma partida. O Santos lidera o Grupo A e o Corinthians o Grupo D, enquanto dois times interioranos são líderes: o Ituano no Grupo B e a Ferroviária no Grupo C.

Palmeiras cai no Allianz Arena
Com um gol nos acréscimos, marcado por Rafinha, a Ferroviária venceu à tarde o Palmeiras, por 2 a 1, no Allianz Arena. Enquanto Marcelo Oliveira busca a formação ideal do time da capital, a Ferroviária poupou vários jogadores no meio de semana quando perdeu para o Ituano, por 3 a 2.

Mas completo, a Ferroviária deu trabalho. Saiu na frente com uma falta de Fernando Gabriel, aos 44 minutos do primeiro tempo. O Palmeiras empatou com o argentino Cristaldo, aos 17 minutos do segundo tempo. Mas sofreu o segundo gol aos 48 minutos e deixou o campo vaiado. Após da derrota, o Palmeiras é vice-líder do Grupo B, com nove pontos. A Ferroviária está na ponta do Grupo C, com 13 pontos, contra 10 do vice-líder São Paulo.

Red Bull quebra invencibilidade do Santos
Mesmos endo de campinas, o Red Bull Brasil mandou seu jogo no estádio Martins Pereira, em São José dos campos, com o objetivo de levar mais público. Pouco mais de seis mil torcedores viram sua vitória em cima dos santistas, por 2 a 0, com gol marcado por Thiago Galhardo, aos 38 minutos, e por Roger aos 42 minutos do segundo tempo. Ricardo Oliveira atuou meio tempo e deixou o campo machucado. Daí o Santos tentou, criou algumas chances mas não chegou nem ao empate. Mas continua na ponta do Grupo A, com 12 pontos, um na frente do São bento, com 11. O Red Bull conseguiu sua segunda vitória consecutiva e agora aparece com 10 pontos, terceiro no Grupo D.

Rio Claro perde chance
Pela manhã, no estádio Schimdtão, o Rio Claro desperdiçou uma boa chance de vencer o Botafogo, ficando no empate sem gols. O time da casa atuou desde os 25 minutos com um jogador a mais pela expulsão do atacante Serginho. No segundo tempo ainda perdeu um pênalti, cobrado por Léo Costa e defendido pelo goleiro Neneca. O empate deixou o Rio Claro com oito pontos, em quarto lugar no Grupo D. O Botafogo, que demitiu Marcelo Veiga e foi dirigido de forma interina por Toninho Cajuru, está com sete pontos em quarto lugar do Grupo A.

XV surpreende no ABC
No estádio 1º de Maio, no ABC, na estreia do técnico Sérgio Soares no lugar de Roberto Fonseca, o São Bernardo perdeu para o XV de Piracicaba, por 2 a 1, de virada. Marino abriu o placar aos sete minutos, mas Gerson Magrão empatou aos 29 minutos. O gol da vitória foi marcado por Henrique Santos, aos 30 minutos do segundo tempo.

Esta foi a primeira vitória quinzista sob o comando do técnico narciso, que tinha sido goleado pelo Palmeiras, por 4 a 1. O XV é o quarto colocado do Grupo C, com oito pontos. O São Bernardo continua com seis pontos na lanterna do Grupo B.

Virada no dérbi regional
De virada o Ituano venceu o Capivariano, por 2 a 1, no dérbi regional disputado no estádio Novelli Júnior, em Itu. O visitante saiu na frente com Leandro Silva, de cabeça, aos 23 minutos. O mandante virou no segundo tempo com dois gols de pênalti cobrados por Marcelinho. O primeiro aos sete e o segundo 49 minutos. O Ituano tem 11 pontos na liderança do Grupo B, na frente de Palmeiras e Ponte preta, com nove pontos cada.

Contra o rebaixamento
A rodada tinha sido iniciada dia 17 de fevereiro com um jogo antecipado entre Mogi Mirim 3 x 1 Linense. A briga entre os times do Interior é contra o rebaixamento. Os últimos seis colocados vão cair para a Série A2 em 2017. Neste momento seriam: Capivariano com quatro; Oeste com cinco; São Bernardo com seis; Novorizontino, Botafogo e Mogi Mirim com sete pontos cada.

Confira os resultados da sétima rodada:

17/02/2016
Mogi Mirim 3 x 1 Linense

Sábado
Água Santa 2×2 São Bento
Novorizontino 3×2 Osasco Audax
Ponte Preta 1×0 São Paulo
Corinthians 1×0 Oeste

Domingo
Rio Claro 0x0 Botafogo
Palmeiras 1×2 Ferroviária
Red Bull 2×0 Santos
Ituano 2×1 Capivariano
São Bernardo 1×2 XV de Piracicaba

Comentários