Estímulo à ovulação é o método mais procurado por casais que sonham em ter filhos

Dr. Joji Ueno, ginecologista e diretor da Clínica Gera, alerta que a automedicação pode trazer prejuízos à saúde

 

A técnica de indução à ovulação é a mais procurada por casais que sonham em ter filhos, já que o índice de eficiência neste procedimento pode chegar em até 30%. No entanto, muitas mulheres rejeitam o acompanhamento médico e optam pela automedicação, o que pode trazer graves riscos para a saúde.

Segundo o ginecologista Dr. Joji Ueno, diretor e fundador da Clínica Gera, o uso de remédios sem prescrição médica pode trazer problemas sérios, desde uma mudança de humor até o crescimento excessivo dos ovários e aumento excessivo de hormônios (pode desencadear a um acúmulo de líquido no abdome e no pulmão e até levar ao óbito).

Na opinião de Ueno, é recomendável realizar o procedimento de estímulo à ovulação somente após uma completa checagem no casal. “Sem a dosagem correta, é possível que ocorra um excesso de ovulação e a mulher pode acabar tendo quatro ou cinco filhos de uma só vez”, adverte o ginecologista.

Entre as medidas preventivas está a realização de exames como o espermograma, além de uma análise detalhada para aferir se a mulher não tem uma obstrução tubária, entre outros problemas. “O ideal é que haja um acompanhamento por ultrassonografia junto à medicação, já que é indispensável a supervisão de um médico durante todo o processo”, conclui o especialista.

 

Dr. Joji Ueno – O ginecologista Dr. Joji Ueno é doutor em Medicina pela Universidade de São Paulo (USP), ex-fellow do Jones Institute for Reproductive Medicine (EUA) e fundador e diretor da Clínica Gera. Ueno também é autor da obra “Cirurgia Videoendoscópica em Ginecologia” e responsável pelo setor de Video-histeroscopia do hospital Sírio-libanês. É coordenador do curso de pós-graduação Lato Sensu em Medicina Reprodutiva do IEP-GERA.

Clínica Gera – Fundada em 1993, em São Paulo, pelo ginecologista e obstetra Dr. Joji Ueno, a Clínica Gera conta com um corpo clínico especializado, composto por especialistas com mestrados e doutorados pela USP e pela UNIFESP. A Clínica Gera conta também com cursos de pós-graduação na área de Reprodução Humana Assistida, além de assessoria clínica e cirúrgica a profissionais da área médica. Hoje, a Clínica Gera se posiciona como um centro nacional de referência na restauração da fertilidade, em videolaparoscopia ginecológica, video-histeroscopia e endometriose. Conta com unidade em São Paulo (capital) e filial em Campo Grande (MS).

 

Comentários