Valor injetado no comércio com negociação de dívidas cresce 74% em um ano


Aumento foi registrado em 2016 comparado com o mesmo período de 2015

 

O valor injetado no comércio de Americana com a negociação de dívidas entre lojistas e consumidores cresceu 74% no ano de 2016 em comparação com o mesmo período de 2015. Os dados são da CRC (Central de Recuperação de Crédito) da Associação Comercial e Industrial de Americana e representam o aumento na procura pelo serviço e as facilidades em quitar as dívidas com o perdão de multas e juros. Mais de 2 mil pessoas são atendidas por mês pela Central.

 

De acordo com o levantamento, em 2015 retornou para o comércio o montante de R$ 204.651,24. Somente no ano passado os consumidores pagaram R$ 356.717, 17 em acordos realizados pela Central, um aumento significativo de 74% em meio ao crescimento da inadimplência.

 

“A inadimplência é preocupante. Embora os números do SCPC registrem a queda de 36% entre 2015 e 2016, eles não refletem a realidade, pois o custo para a inclusão dos inadimplentes aumentou demais com o AR (Aviso de Recebimento) e muitas empresas não têm registrado as dívidas em razão desse alto custo. Como solução para essa inadimplência, a ACIA criou a Central de cobrança”, relatou o diretor da CRC, o advogado Marcelo Fiorani.

 

Fiorani reforça que as negociações beneficiaram todas as partes. “No ano passado fechamos 2.365 acordos. Essas pessoas estavam inadimplentes e conseguiram negociar e quitar suas dívidas. Os consumidores ficaram aliviados com a solução dos problemas e restabeleceram seu nome, enquanto os comerciantes recuperaram o prejuízo que sofreram”, relatou.

 

Agilidade e eficiência

 

Com a CRC, a negociação entre lojistas e consumidores se tornam mais rápidas e eficientes para os dois lados. “Quando um consumidor vai até o balcão fazer a consulta do seu nome, e se a empresa já o incluiu no SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), naquele momento mesmo a CRC começa a efetuar a negociação, o que torna o processo de recuperação de crédito mais eficaz e ágil”, explicou o presidente da entidade, Dimas Zulian.

 

“Esse é um serviço que a associação presta para todos. Se você comerciante tem uma carteira de inadimplentes encaminhe para a CRC, nós podemos te ajudar a recuperar. Você consumidor que está devendo, e por alguma razão não conseguiu renegociar sua dívida com o estabelecimento comercial procure a ACIA. Vamos tentar intermediar um acordo e resolver seu problema. Lembrando que nessas negociações há o perdão de multas, juros, além de parcelamentos. Vale a pena o consumidor buscar essa solução”, finalizou o diretor da CRC, Marcelo Fiorani.

 

Mais informações sobre a CRC podem ser obtidas no (19) 3471-3899 ou no crc@acia.com.br

Comentários

Notícias relacionadas