Variedades 

O que é “Mockup”?

Especialista fala sobre o ‘Mockup’ que é uma novidade em tratamentos estéticos dentários 

 

O Dr. Eduardo Nakanishi é especialista em lentes de contato e facetas dentais e revela as novidades deste tipo de tratamento estético, como o uso do mockup para que o paciente veja o resultado na própria boca, antes mesmo do final do tratamento

 

Já há algum tempo as facetas e lentes de contato para os dentes tem sido protagonistas nos consultórios quando se refere a tratamento odontológico estético, para garantir aos pacientes um sorriso sempre perfeito e dentes sempre brancos, o chamado sorriso das celebridades, já que o método estético se popularizou à partir  de pessoas famosas adeptas desse tratamento.

 

O Dr. Eduardo Nakanishi é especializado em facetas e lentes de contato e traz as principais novidades relacionadas a esse assunto: “Muito se fala em facetas dentais e lentes de contato por aí. No entanto, é importante saber que a lente é na verdade uma faceta mais fina, 0,2 e 0,6 mm de espessura, onde faz-se um desgaste menor do dente. As lentes são indicadas para quase todas as necessidades de alteração da estética dos dentes, para alterar formato, posição e tamanho por exemplo, com a grande vantagem que o desgaste é leve ou até mesmo desnecessário e feito apenas na parte da frente (região vestibular) do dentes. No entanto, se os dentes estiverem muito danificados ou amarelados o mais indicado é o uso da faceta, pois a lente de contato não altera a coloração do dente”.

 

Mas a grande novidade para o tratamento estético dentário é a técnica do Mockup (do inglês: modelo, maquete), que permite ao paciente experimentar como ficarão os dentes antes mesmo do fim do tratamento, na sua própria boca, fora do contexto de simulações digitais no computador: “Existe uma fase do planejamento das facetas, onde se faz um enceramento no formato final das facetas em molde de gesso e é possível transferir isso para a boca do paciente por um processo chamado mockup, e então ele mesmo consegue ver o resultado final antes de ficar pronto. Essa técnica é diferente do planejamento digital pois o paciente pode conferir como será o resultado na sua própria boca”.

 

Contudo é preciso ter em mente algumas informações antes da decisão por colocar lentes ou facetas nos dentes. O Dr. Nakanishi ressalta que em sua maioria estes tratamentos envolvem a necessidade de serem feitos desgastes permanentes nos dentes: “O desgaste pode ser realmente leve e em alguns casos, realizado apenas na parte da frente do dente, mas é importante ter consciência de que depois de realizado, não tem volta. Contudo, os pacientes ficam extremamente satisfeitos com os resultados. Como qualquer outro tratamento odontológico é preciso sim realizar manutenções e visitas periódicas ao profissional que realizou o trabalho”.

 

Sobre a durabilidade, o especialista afirma que é de muitos anos com a devida manutenção: “Um dos grandes avanços que ocorreu nas lentes de contato, além do material em si, foram os produtos para colagem, que hoje são extremamente eficientes e oferecem segurança aos profissionais e pacientes. As lentes da atualidade são feitas com dissilicato de lítio, que tem as mesmas características das cerâmicas, mas é extremamente resistente a fratura e com os novos materiais para união da faceta com o dente, ela nunca mais solta, exceto por falha na cimentação, que é a fixação da lente com cola especial”.

 

 

Fotos de:  Personal Odontologia / MF Press Global 

Comentários

Notícias relacionadas