Tecnologia 

O que é e quais são as vantagens de um Marketplace

Na hora de investir em um projeto na web, é muito comum o investimento em uma loja virtual, onde uma boa hospedagem de site e uma plataforma, como o Magento, por exemplo, são elementos fundamentais para o funcionamento.

 

No entanto, em se tratando de compra e venda de produtos pela internet, é bom lembrar que existem também os Marketplaces.

 

Para entender o que é e como funciona um Marketplace, imagine que você está entrando em um shopping center. Sendo assim, você se depara com diversas lojas voltadas para os mais diversos segmentos, tais com vestuário, eletrônico e artigos de escritório.

 

Pois então, não é um exagero afirmar que um Marketplace é como se fosse um shopping center, porém um shopping center que funciona no ambiente virtual da internet.

 

O funcionamento de um Marketplace

 

O Marketplace é um sistema coletivo de vendas online. Sendo assim, várias lojas podem anunciar os seus produtos para os clientes, proporcionando com isso opções variadas de compra para os consumidores.

 

Por isso, é na questão da reunião de lojas que reside a diferença entre o Marketplace e uma loja online.

 

Para explicar melhor vale ficar atento para o seguinte exemplo: No Marketplace você acessa o site e efetua a compra de um notebook que está sendo vendida por uma loja virtual.

 

Já na loja virtual você pode comprar diretamente o notebook que está sendo vendido por ela.

 

Essa possibilidade é vantajosa para o cliente, pois dessa maneira ele tem alternativas de preços, ofertas e modelos em um único site.

 

Já para os empreendedores, a vantagem é a visibilidade e também a melhora na reputação especialmente para as pequenas lojas, afinal, ela vai estar lado a lado com lojas já consolidadas no mercado.

 

Por essa razão é possível afirmar que o Marketplace é um shopping center localizado no ambiente virtual, onde o cliente pode acessar o site, procurar o produto, comparar os preços e ver qual é o mais vantajoso.

 

Como ingressar no Marketplace

 

A modalidade do Marketplace surgiu no Brasil em 2012 e várias empresas conhecidas internacionalmente participam desse sistema de negócio. A Amazon, a OLX e a Walmart são apenas alguns dos nomes conhecidos.

 

Para participar dessa modalidade é necessário efetuar um cadastro tanto da sua empresa quanto dos seus produtos. Dessa maneira os produtos que você oferece passam a ser divulgados.

 

Os seus produtos também passam a ser oferecidos para os usuários quando eles efetuam alguma pesquisa. É interessante que a divulgação dos produtos para clientes específicos é baseada no histórico de compra desses consumidores.

 

Porém, ao fazer parte de um Marketplace é necessário ficar de olhos bem abertos para a comissão cobrada pela empresa que efetua o gerenciamento dele. A comissão corresponde a determinadas porcentagens das vendas que você realiza.

 

Além disso, quanto maior o nível da divulgação que você escolher para os seus produtos, maior será também a comissão cobrada. Por isso, estando ciente dessas exigências, analise se é viável a sua participação em um Marketplace.

 

Fique atento também para o tipo de Marketplace em que você pretende ingressar o seu negócio. O público que visita Marketplace possui perfis distintos, por isso é importante fazer parte de um que apresenta um perfil compatível com o da sua loja.

 

E também não ignore as políticas e termos que o Marketplace exige. O fato de você não se adequar ao que é exigido pode resultar multas e até expulsão, o que são fatores negativos para a reputação do seu empreendimento.

 

Além disso, o Facebook, uma das redes sociais mais conhecidas e utilizadas da atualidade, também oferece o serviço de Marketplace dentro da própria rede.  

 

Por meio dessa opção você pode vender os seus produtos. Aliás, é possível dizer que o Marketplace no Facebook funciona como uma seção de classificados.

 

Como atuar em um Marketplace

 

Ao investir em um e-commerce, fica evidente que uma hospedagem de site de qualidade assegura o desempenho e a segurança da sua loja online. Porém, para o êxito do seu empreendimento, é necessário gerar vendas.

 

E é com o objetivo de gerar mais vendas e lucros que o Marketplace se torna uma alternativa viável para quem investe em um negócio online.

 

Por isso, ao atuar em um Marketplace é necessário estar preparado para a demanda de clientes que isso vai gerar. Nesse caso, se você não apresentar um atendimento ágil poderá resultar em avaliações negativas para o seu negócio.

 

Lembre-se também de analisar quais as melhores maneiras de demonstrar os seus produtos. Por isso, fique atento para a qualidade das fotos e da descrição delas, pois a sua vitrine está concorrendo ao lado de várias outras.

 

Conclusão

 

O Marketplace é uma boa opção para quem quer ingressar no comércio online? Com certeza é, porém, é necessário levar em conta as suas exigências.

 

Portanto, analise as vantagens e veja quais são as possibilidades de crescimento nesse tipo de estratégia.

 

Comentários

Notícias relacionadas