Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Nova Odessa conquista, pelo terceiro ano consecutivo, o Selo Município VerdeAzul


Com 87,34 pontos, cidade manteve a 39ª colocação em ranking estadual

 

Pelo terceiro ano consecutivo, a Prefeitura de Nova Odessa recebeu o selo Município VerdeAzul. Com 87,34 pontos, a cidade manteve a 39ª colocação no ranking estadual. De autoria do Governo do Estado de São Paulo, a certificação é dada às cidades que comprovam boas práticas de gestão ambiental.

 

O prefeito Benjamim Bill Vieira de Souza, a diretora de Meio Ambiente, Parques e Jardins, Fernanda Dagrela, acompanhados da equipe da Secretaria de Meio Ambiente, estiveram em São Paulo para o anúncio dos vencedores do selo na edição de 2016. “Fico muito feliz em ver o nosso trabalho reconhecido. Quando assumi, Nova Odessa não sabia o que era certificação, nunca tinha recebido. Agora, tenho a honra de, pela terceira vez, receber o prêmio. Este selo é muito importante pois comprova toda nossa preocupação com o Meio Ambiente, todo o zelo que temos com nossa cidade”, disse Bill. “É o reconhecimento de que estamos no caminho certo”, continuou.

 

Bill lembrou que em 2013 o Município ficou na 323 colocação no ranking estadual. “Estávamos no 323º lugar, depois passamos para 108º, 39º e agora, novamente, estamos na posição 39. Demos um salto muito importante em nossas ações e vamos trabalhar para melhorar cada vez mais este índice”, disse.

 

Temos realizado um amplo trabalho em nossa cidade com foco na gestão ambiental, com plantio de mudas, manutenção de nossos jardins e outros projetos voltados para a preservação ambiental e também conscientização da população. É muito gratificante recebermos novamente esta certificação tão importante”, disse.

 

O PROJETO – O Selo Município VerdeAzul foi lançado em 2007 pelo Governo do Estado de São Paulo, através da Secretaria de Estado do Meio Ambiente. O projeto busca medir e apoiar a eficiência da gestão ambiental e confere, anualmente, uma nota ambiental aos municípios paulistas, que vai de zero a 100.

 

Para a pontuação, são levados em consideração dez diretivas, em que são avaliadas ações nas áreas de esgoto tratado, resíduos sólidos, biodiversidade, arborização urbana, educação ambiental, cidade sustentável, gestão das águas, qualidade do ar, estrutura ambiental e conselho ambiental.

As cidades com nota acima de 80 pontos recebem o selo Município VerdeAzul, que reconhece a boa gestão ambiental e garante à Prefeitura a prioridade na captação de recursos com o Governo do Estado, por meio do FECOP (Fundo Estadual de Prevenção e Controle da Poluição).

 

Esta edição contou com 623 municípios cadastrados sendo que, deste total, 77 cidades foram certificadas com uma pontuação superior a 80,0 pontos.

Comentários

Dennis Moraes