Portal SB24Horas

Conteúdo é aqui!

Estação Cultural de Santa Bárbara d´Oeste recebe Festival Onde Pulsa a Nova Música, no próximo sábado

Sem títuloNovos e premiados talentos nacionais da música se apresentarão após debate sobre o universo musical com a participação do atual jurado do programa Astros, Carlos Eduardo Miranda, do editor da revista Rolling Stone, Pablo Miyazawa, e do jornalista da Ilustrada Lúcio Ribeiro

 

A Estação Cultural de Santa Bárbara d´Oeste recebe no próximo sábado, 10 de agosto, a primeira edição do Festival “Onde Pulsa a Nova Música”, um evento inédito que terá shows de jovens talentos da música nacional autoral e, também, uma conferência sobre mídia e produção musical com a participação de profissionais reconhecidos no mercado. O festival terá início às 13h, com entrada gratuita.

 

Na abertura, o festival propõe um bate papo sobre o universo do mercado e da produção musical, que terá como convidados o atual jurado do programa Astros, do SBT, Carlos Eduardo Miranda, o editor-chefe da edição brasileira da revista Rolling Stone, Pablo Miyazawa, e o jornalista que escreve para o caderno Ilustrada, da Folha de S.Paulo, Lúcio Ribeiro. O debate tem início às 13h, e pretende atrair jornalistas, músicos e produtores regionais.

 

Logo em seguida, é a vez dos novos talentos da música nacional subirem ao palco da Estação Cultural. Entre as seis apresentações confirmadas estão o show do compositor Nevilton, de Umuarama, no Paraná, que conquistou uma indicação ao Grammy Latino recentemente. Além da apresentação da banda piracicabana Soulstripper, um trio que lançou um dos videoclipes nacionais mais visualizados do YouTube nos últimos dois anos, com mais de 3 milhões de visualizações e uma leva de jovens fãs em diversas partes do país. O evento também terá apresentações dos grupos Quinta que Vem, About a Soul, Phill Veras e Oito Mãos.

 

O festival faz parte do projeto “Onde Pulsa a Nova Música”, que é realizado com recursos do ProAC (Programa de Ação Cultural) pela 3S Projetos com patrocínio da Indústrias Romi S.A. Através da Fundação Romi, a Indústrias Romi S.A. tem priorizado o apoio a projetos culturais que possibilitem a formação de público e o estímulo aos artistas locais e da região. A Estação Cultural, espaço revitalizado da antiga estação ferroviária de Santa Bárbara d’Oeste, foi transformado em um centro cultural com o objetivo de promover e fomentar a cultura.

 

A Estação Cultural de Santa Bárbara d´Oeste está localizada na Avenida Tiradentes, número 2, no Centro. Para mais informações, ligue 3455-4830.

 

Programação

13h – Bate papo e conferência sobre produção e mercado musical com Carlos Eduardo Miranda + Lúcio Ribeiro + Pablo Miyazawa

15h – Quinta que vem

16h – About a Soul

17h – Phill Veras

18h – Oito Mãos

19h – Soulstripper

20h – Nevilton

 

Sobre os convidados:

Carlos Eduardo Miranda

Na década de 1990, como produtor musical lançou, entre outros grupos, Skank, O Rappa, Virgulóides, Blues Etílicos, Cordel do Fogo Encantado, Cansei de ser sexy, Móveis Coloniais de Acaju, MQN, Mundo Livre SA e o primeiro disco da Graforréia Xilarmônica, Coisa de Louco II e, também, criou e dirigiu o site Trama Virtual. Como jornalista da área de música, Miranda trabalhou para a revista Bizz. Foi um dos jurados da primeira e da segunda temporada de Ídolos. Em 2008 trabalhou como jurado no programa Astros. De 2009 a 2012 foi jurado do programa Qual É o Seu Talento?  Atualmente voltou a ser jurado no programa Astros.

 

Lúcio Ribeiro

É jornalista de cultura pop. Edita o Popload, no UOL, e escreve para o caderno “Ilustrada”, da Folha de S. Paulo, além de ser colunista de esporte da Folha. É curador do festival Popload Gig, que já teve 14 edições, e DJ residente do Bar Secreto em SP.

 

Pablo Miyazawa

Pablo Miyazawa é o editor-chefe da edição brasileira da revista Rolling Stone e um dos jornalistas mais respeitados em sua área. Já escreveu para publicações como a Folha de S. Paulo, EGM Brasil, Nintendo World, Herói, Clube.

Sobre as bandas:

Quinta que vem (São Paulo – SP):

Atualmente a banda possui três integrantes fixos: André (vocal e guitarras), Guilherme (bateria) e Renato (guitarra), além de Wallace e Vitor, baixista e tecladista, respectivamente. Após criarem trilha sonora para um curta-metragem, os meninos decidiram continuar com a produção e gerar o primeiro EP, intitulado “Prato Fundo”. O EP conta com seis faixas produzidas em casa, utilizando elementos alternativos como potes de linhaça para percussão, isolamento acústico de partes de um guarda-roupa como cobertores para as gravações e improvisação de pedestais com canos presos por esparadrapos.

 

About a Soul (Santa Barbara d’Oeste/ Americana – SP)

O grupo é formado pelos músicos Lucas (voz e violão), Renan (Bateria), Thierri (voz e baixo), Diego (teclado) e Tato (guitarra). O estilo folk-rock surgiu naturalmente e as canções possuem temas sobre a alma humana, da vida, do cotidiano, juntamente com melodias bem características de bandas como City and Colour, Noah Gundersen, Johnny Cash, Neil Young entre outros. A banda acaba de lançar o seu primeiro CD “The Legend Of The Seas.

 

Phill Veras (São Luís – Maranhão)

Do nordeste do país vem a jovem voz de Phill Veras, compositor autodidata, que compôs sua primeira música aos 14 anos. Desde o lançamento do EP “Valsa e Vapor”, o cantor passou a ser convidado para realizar participações especiais em espetáculos no Maranhão, tocou no Rio de Janeiro ao lado de Bruno Consentino e Cesar Lacerda, e foi o primeiro convidado do Musicoteca Apresenta. O repertório de Phill Veras é totalmente autoral, com influências que vão de Silva a Chico Buarque. Além das faixas que fazem parte do EP, Phill traz canções inéditas que devem estar em seu primeiro disco, a ser gravado ainda este ano.
Oito Mãos (Campinas – SP)

Em carreira há sete anos, a banda Oito Mãos teve o ano de 2012 marcado por shows da turnê do primeiro álbum da banda, “Vejo Cores nas Coisas”, lançado em 2010. E foi justamente nos intervalos, entre as apresentações desta turnê, que o grupo encontrou tempo para a produção deste segundo trabalho. O “Aliás” nasceu em reuniões dos quatro compositores em uma chácara na cidade de Amparo-SP. A banda ainda foi personagem central de um filme batizado de “Algo Espetacular”, produzido pelo Pulsa Nova Música, e que destaca a historia do relacionamento de amizade entre os músicos do grupo.
Soulstripper (Piracicaba – SP)

O Soulstripper foi formado em 2005, em Piracicaba. Apesar das idas e vindas, mantém a sua formação original, com os mesmos três garotos de sempre: Bruno, Luka e Chico. A banda toca um rock & roll despretensioso e muito divertido. Com duas guitarras e uma bateria, o som remete a vários estilos de rock de ontem e hoje, sempre com um pezinho no rock clássico. Dá pra perceber claras influências de blues e Jovem Guarda em suas canções. A banda já gravou um CD e dois EPs, participou de programas de TV e rádio, foi entrevistada por mídias como Record e Globo, além de ter concorrido ao VMB 2012 (premiação da MTV Brasil) como aposta da emissora.
Nevilton (Umuarama – PR)

Um dos indicados aos XIII Grammy Latino, na categoria Melhor Video Musical – Versão Curta; e vencedor do Prêmio Multishow 2011, na categoria Experimente, Nevilton está na estrada desde 2007, divulgando suas canções no formato power trio. Com um som rico, cheio de influências de diversos estilos musicais, faz uma síntese muito original da Música Brasileira com o Rock.  O EP ‘Pressuposto’, lançado em Fevereiro de 2010, atingiu pela primeira vez a grande mídia brasileira e foi eleito o 4º Melhor Álbum Nacional, e a música “O Morno” foi eleita a 2ª Melhor Música Nacional de 2010 pela Revista Rolling Stone Brasil. Com o lançamento do o primeiro álbum ‘De Verdade’, em outubro de 2011, a Nevilton continuou com seu trabalho sendo elogiado. Além disso, o videoclipe de ‘Tempos de Maracujá’ foi indicado entre os finalistas do XIII Grammy Latino. Em 2013 a Nevilton e sua banda lançaram o seu segundo álbum de estúdio: “Sacode!”, produzido por Carlos Eduardo Miranda e Tomás Magno.
Sobre o Pulsa Nova Música

O Pulsa Nova Música é um projeto dedicado a fomentar e incentivar novas bandas e novos compositores nacionais. Formada por uma rede de amantes e apoiadores da nova música nacional, fotógrafos, jornalistas e público que amam a coragem do compositor brasileiro. A ideia de apoiar o melhor conteúdo da música nacional surgiu ainda em 2009, quando os jornalistas Junior Passini, Leandro Filippi e o produtor e fotógrafo Christian Camilo criaram o Rock ‘n’ Beats – hoje um site de notícias dedicado não só a música nacional como também internacional.

Comentários

Dennis Moraes