Esportes 

EMS Taubaté Funvic vence o Vôlei Renata e avança às semifinais da Superliga Cimed

Em noite inspirada dos ponteiros, time taubateano fez 3 a 1 e garantiu vaga para encarar o Sada Cruzeiro na próxima fase da competição

Jogando na noite desta sexta-feira, 29/03, a EMS Taubaté Funvic venceu o Vôlei Renata Campinas (SP) por 3 sets a 1 (Parciais de 25×18, 25×17, 23×25 e 25×13), e garantiu a última vaga para as semifinais da Superliga Cimed Masculina de Vôlei 2018/2019.

Com a vitória, o Taubaté fechou a série melhor de três jogos em 2 a 1 contra o Vôlei Renata, e nas semifinais vai encarar o Sada Cruzeiro (MG), atual campeão da Superliga Cimed.

Nas semifinais e na final, os confrontos passam a ser em séries melhor de cinco jogos.

O jogo: O técnico Renan Dal Zotto colocou em quadra o time inicial com Rapha, Lucarelli, Facundo Conte, Lucão, Otávio, Vissotto e Thales como líbero.

O primeiro set começou com a EMS Taubaté Funvic melhor em quadra, apostando no saque tático e complicando bastante a recepção do Vôlei Renata. O bloqueio taubateano funcionou em bolas importantes e a equipe chegou a abrir cinco pontos de vantagem. O Vôlei Renata equilibrou as ações apostando no saque forçado. O Taubaté suportou a reação campineira e, principalmente com boa partida do oposto Vissotto, maior pontuador do set, se manteve à frente no marcador. Mantendo um bom volume de jogo e ditando o ritmo, os taubateanos venceram o primeiro set por 25 a 18, em 27 minutos.

O segundo set começou mais equilibrado, com o Vôlei Renata procurando variar o saque. A EMS Taubaté Funvic seguiu sacando bem, encaixando bons bloqueios e virando bolas importantes com Lucarelli e Vissotto, que seguiu sendo a bola de segurança do levantador Rapha. O time taubateano seguiu mostrando superioridade em praticamente todos os fundamentos, e principalmente o saque entrou bem, forçando erros de recepção do adversário. O Taubaté fechou o set com um ataque do central Otávio, vencendo por 25 a 17, em 25 minutos.

O terceiro set começou com o Vôlei Renata um pouco melhor, sacando melhor e se aproveitando de alguns erros da EMS Taubaté Funvic. Os taubateanos voltaram a encaixar bem o saque forçado, complicando a recepção adversária, e proporcionando bom trabalho os bloqueadores. O jogo, no entanto, seguiu bem equilibrado ao longo do set. Do lado taubateano, as bolas de ataque com Vissotto, Conte e Lucarelli seguiram desequilibrando, sendo estes os três maiores pontuadores da equipe em todo o jogo. Renan Dal Zotto promoveu a entrada do levantador Uriarte e do oposto Abouba, e a equipe conseguiu manter o bom nível de jogo, mas o Vôlei Renata conseguiu se aproveitar dos erros taubateanos para virar e fechar o set em 25 a 23, em 30 minutos jogados, adiando a vitória do Taubaté.

O quarto set foi o de maior domínio do Taubaté, que buscou desequilibrar na variação do saque. O serviço seguiu tendo boa efetividade e as bolas de ataque com o ponteiro Facundo Conte passaram a fazer a diferença. Errando menos e também com o bloqueio funcionando em pontos importantes, os taubateanos conseguiram abrir enorme vantagem e num set praticamente irretocável, fecharam com um ataque de Facundo Conte em 25 a 13, vencendo o jogo por 3 sets a 1, em 2h00 de jogo.

O melhor jogador da partida, premiado com o Troféu Viva Vôlei foi o ponteiro Facundo Conte, da EMS Taubaté Funvic, que também foi o maior pontuador do jogo, com 23 pontos anotados.

Outros pontuadores de destaque da EMS Taubaté Funvic na vitória que garantiu o time na semifinal foram o oposto Vissotto, com 19 pontos, e o ponteiro Lucarelli, com 17 pontos anotados.

Para Lucarelli, a equipe conseguiu encaixar um volume de jogo consistente para confirmar a vitória e a vaga. “Hoje tivemos uma postura totalmente diferente em relação ao jogo de Campinas, e muito mais parecida com o que tivemos no primeiro jogo aqui. Jogamos um voleibol bem agressivo, diminuímos bastante os erros e o nosso passe esteve muito melhor hoje, e assim conseguimos ter mais momentos de bons ataques. Todo mundo jogou muito bem, o mérito dessa classificação é da equipe toda.”, comentou.   

Próximo jogo: Com a vitória de hoje, a EMS Taubaté Funvic vai encarar o Sada Cruzeiro (MG) na fase de semifinais, em uma série melhor de cinco jogos. O primeiro jogo está marcado para o sábado, 06/04 (sábado), às 21h30 no ginásio do Riacho, em Contagem (MG).

Confira a tabela completa das semifinais:

 

SUPERLIGA CIMED 18/19 – SEMIFINAL

PRIMEIRA RODADA

06.04 (SÁBADO) – Sesi-SP x Sesc RJ, às 19h, no Sesi Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) – SPORTV 2

06.04 (SÁBADO) – Sada Cruzeiro (MG) x EMS Taubaté Funvic (SP), às 21h30, no Riacho, em Contagem (MG) – SPORTV 2

SEGUNDA RODADA

09.04 (TERÇA-FEIERA) – Sesc RJ x Sesi-SP, às 19h, no Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro (RJ) – SPORTV 2

09.04 (TERÇA-FEIRA) – EMS Taubaté Funvic (SP) x Sada Cruzeiro (MG), às 21h30, no Abaeté, em Taubaté (SP) – SPORTV 2

TERCEIRA RODADA

13.04 (SÁBADO) – Sesi-SP x Sesc RJ, às 19h, no Sesi Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) – SPORTV 2

13.04 (SÁBADO) – Sada Cruzeiro (MG) x EMS Taubaté Funvic (SP), às 21h30, no Riacho, em Contagem (MG) – SPORTV 2

QUARTA RODADA (se necessária)

16.04 (TERÇA-FEIRA) – Sesc RJ x Sesi-SP, às 19h, no Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro (RJ) – SPORTV 2

16.04 (TERÇA-FEIRA) – EMS Taubaté Funvic (SP) x Sada Cruzeiro (MG), às 21h30, no Abaeté, em Taubaté (SP) – SPORTV 2

QUINTA RODADA (se necessária)

19.04 (SEXTA-FEIRA) – Sesi-SP x Sesc RJ, às 20h30, no Sesi Vila Leopoldina, em São Paulo (SP) – SPORTV 2

20.04 (SÁBADO) – Sada Cruzeiro (MG) x EMS Taubaté Funvic (SP), às 19h30, no Riacho, em Contagem (MG) – SPORTV 2

Comentários

Notícias relacionadas