Musa24Horas 

Atriz Paranaense, Lidi Lisboa se despede da personagem Jezabel, posa sensual e esclarece sobre ataque de estrelismo …

Lidi Lisboa se despede da personagem Jezabel, sua protagonista na Record.

Depois de um trabalho tão intenso, a atriz sente gratidão por toda experiência vivida na macrossérie. Ela revela que está pronta para outra, principalmente porque toda aquela adrenalina diminui. Hoje ela se sente mais madura e um pouco mais experiente, e faz questão de destacar que toda a equipe de trabalho foi fundamental.

“ Sem eles eu não teria conseguido “ A atriz esclarece também em uma recente entrevista à revista contigo, sobre alguns sites que a acusaram de ter  ataques de estrelismo:

“ Em uma palavra: desencontros. Vou explicar melhor. Primeiro quero humildemente pedir desculpas para todos que de alguma forma eu possa ter sido um pouco menos acolhedora, ou quem até sabe um tanto insensível no que diz respeito as expectativas. Mas o meu desabafo se justifica pelo desenrolar do trabalho. Que nos requer muito; que nos exige muito empenho e dedicação. Assim como o grau de responsabilidade que qualquer trabalho nos impõem, principalmente quando fazemos o que amamos. O mundo pode ser artístico, mas a responsabilidade é a mesma. Acredito que entre a demanda mental e física do dia-a-dia e a expectativa que as pessoas nos impõem, naturalmente falando, eu posso ter passado a impressão que ali eu era o centro das atenções. E que assim eu simplesmente ditaria as regras. Isso, em verdade, eu divido com todos vocês, não é como eu vejo o mundo e tão poucos as relações. Acredito muito no trabalho em equipe e a existência do todo como um todo. Não cultuo o ego como forma de me alto afirmar, então, além da profunda gratidão que tenho por todos os meus amigos e colegas de trabalho, apenas quero me colocar como disponível a todos os parceiros que dependem de mim, assim como eu dependo deles. Ainda mais agora que estou um pouquinho mais descansada de toda essa maratona. Que venha as próximas oportunidades e lições que a vida pode nos ensinar” Encerra Lidi Lisboa.

Fotos: Marcos Mello

 

Comentários