Americana: Saúde promove capacitação sobre tuberculose para profissionais da rede pública

Desde o início do mês, a Secretaria de Saúde, por meio da Unidade de Vigilância em Saúde e da Atenção Básica, promove uma capacitação sobre tuberculose para profissionais de enfermagem e Agentes Comunitários de Saúde (ACS) que atuam nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), Unidades de Estratégia Saúde da Família (USF) e Programas de Atendimento Imediato (PAI) do município.

 

A ação, que será realizada até a primeira semana de agosto, tem por objetivo sensibilizar os profissionais de saúde para identificação precoce da doença, além de qualificá-los no atendimento.

 

Durante os encontros, a enfermeira do Ambulatório de Controle da Tuberculose, Simone Maciel, realiza discussões em grupo, esclarecendo dúvidas e repassando informações sobre a doença, modo de transmissão, diagnóstico, tratamento e controle.

 

Em Americana, os pacientes acometidos pela doença recebem tratamento medicamentoso gratuitamente nos serviços de saúde pública. O acompanhamento dos casos, bem como dos familiares do paciente e a indicação para o tratamento é feita no Ambulatório de Controle da Tuberculose, que fica no prédio da Secretaria de Saúde.

 

Desde o início do ano, o município registrou 20 novos casos de tuberculose. Em 2013, 58 novos casos foram diagnosticados.

 

Tuberculose

A tuberculose é uma doença infectocontagiosa causada por uma bactéria que afeta principalmente os pulmões, mas, também podem ocorrer em outros órgãos do corpo, como ossos, rins e meninges (membranas que envolvem o cérebro). A transmissão ocorre por via aérea em praticamente todos os casos.

 

O tratamento da doença é feito com medicamentos e acompanhamento do profissional de saúde (Tratamento Diretamente Observado). O tratamento dura, em média, 6 meses e leva à cura da doença.

 

 

 

Unidade de Imprensa

Comentários

Notícias relacionadas