Virada Cultural Paulista 2017 em Santa Bárbara acontece neste fim de semana

A partir desse sábado (20) Santa Bárbara d’Oeste vai vibrar com a Virada Cultural Paulista 2017. Pra garantir as 24 horas de evento, nesta quinta-feira (18) técnicos da Prefeitura se reuniram, no Teatro Municipal “Manoel Lyra”, com produtores técnico e artístico, Luciana Fandinho e Vírgilio Augusto Duin Tavares, da APPA (Associação Paulista dos Amigos da Arte) para apresentar os detalhes finais do evento no Município.

 

Durante a reunião os setores mostraram aos produtores toda estrutura preparada para a Virada que segue até o domingo (21) em cinco pontos da cidade. “Em Santa Bárbara a Virada é mais um evento no calendário, aqui tem muitos eventos bons. A cidade está muito preparada. Percebemos que aqui a cultura é viva, tem um cenário cultural vivo, esse Teatro é vivo. Muito importante, pois a cultura é a semente para as coisas acontecerem, faz nossas crianças voarem para regiões inalcançáveis”, frisou Tavares.

 

A montagem da estrutura para a Virada Cultural Paulista está na reta final. Serão 50 atrações de diversas expressões artísticas em cinco pontos da cidade: CSU (Centro Social Urbano), Teatro Municipal Manoel Lyra, Biblioteca Pública Municipal “Maria Aparecida de Almeida Nogueira” (Centro), Museu da Imigração e Estação Cultural. Lenine, A Banda Mais Bonita da Cidade, Rael e Marina Lima são as atrações principais deste ano.

 

“É um grande evento em parceria com o Governo do Estado de São Paulo e grande estrutura da Prefeitura. A Virada reúne muitas pessoas de Santa Bárbara, colaboradores e movimenta nossa cidade. Para esse ano temos boas notícias, boas atrações e sem dúvida será muito organizado. É importantíssimo esse evento ainda mais que dá espaço aos grupos da cidade, que tem oportunidade nesse ensejo todo de se apresentar para um público diferente, maior e com uma estrutura profissional. Convido todos para prestigiar essa grande Festa”, ressaltou o prefeito Denis Andia.

 

INGRESSOS – No Teatro é necessário retirar ingressos gratuitos para as atrações 1 hora antes dos quatro espetáculos internos. Serão disponibilizados para o sábado (20): 1 ingresso por pessoa para Abertura oficial com “Os Boêmios de Adoniran” (Cia. de Teatro Interiorando), 1 ingresso para “Inverso” (Cia Eos) e 1 ingresso para o espetáculo de humor “Eu, Tu, Voz, Eles” (Rodrigo Cáceres) e também no domingo (21): 1 ingresso para a “Mostra de Dança” que engloba “Uma Noite de Tango” (Cia. Tango & Paixão), “Núcleo Artístico Corpus” e apresentação das academias e escolas de dança da cidade.

 

CLASSIFICAÇÃO – Apenas dois espetáculos de humor possuem classificação 14 anos: o “Clube de Mulheres” (15h30), no Centro Social Urbano, e “Eu, Tu, Voz, Eles” (00h30), no Teatro Municipal “Manoel Lyra”. O restante conta com classificação livre.

 

NOVIDADE – A Feira de Artesanato terá uma edição na Virada no pátio do Museu no domingo. Com muitos trabalhos novos e feitos à mão, os artesãos barbarenses comercializarão seus produtos das 9 às 14 horas. Mensalmente a Feira é realizada na Praça Central com trabalhos feitos em EVA, guardanapos, toalhas, capas de filtro e outros produtos de patchwork, crochê e outros, gravação do nome no arroz e produtos feitos com material reciclável, além de um espaço com doces caseiros.

 

TRANSPORTE – O trenzinho transportará gratuitamente o público durante a Virada, interligando os pontos com atrações, no sábado e domingo. Já o transporte adaptado atenderá as pessoas com deficiência que solicitarem o veículo durante o evento, funcionando das 19 horas do sábado (20) até 4 horas do domingo (21). O telefone para agendamento do transporte adaptado é o (19) 3499-1782.

 

ALIMENTAÇÃO – Haverá praça de alimentação no CSU e feira do pastel, na Estação Cultural, além de praça de alimentação no Museu e Biblioteca. A Praça de Alimentação do CSU contará com cardápio diversificado e bebidas em geral exploradas pelas entidades Associação Vida e Sobriedade, Amev (Associação Assistencial para Melhoria de Vida), Rotary Club Santa Bárbara, Rotary Club Progresso, Grupo Escoteiro Uirapuru, Pastoral da Criança e Fundo Social de Solidariedade.

 

O restaurante e a praça de alimentação da Estação Cultural funcionarão durante a madrugada. Uma novidade: o “dinheiro/ticket” comprado nos caixas da Virada valerão em qualquer um dos pontos com praça de alimentação explorada pelo Fundo Social de Solidariedade (Centro Social Urbano, Estação Cultural e Biblioteca Central). Todos os pontos aceitarão dinheiro e cartão de crédito e débito.

 

SEGURANÇA – O esquema de segurança contará com o apoio da Polícia Militar, da Guarda Civil Municipal e da Defesa Civil, além de seguranças e brigadistas particulares. No CSU será proibida a entrada de qualquer tipo de bebida, recipientes (copos, garrafas e latinhas) e isopor, além de materiais cortantes e substâncias ilícitas. Além disso, não será permitida a presença de ambulantes no raio de 100m. A fiscalização será realizada pelos colaboradores da Prefeitura.

 

INTERDIÇÃO – No Teatro Municipal “Manoel Lyra”, a Rua João XXIII estará interditada durante os eventos programados da Virada. A rota de desvio será na Rua Graça Martins para chegar até a Avenida Tiradentes. Já na Estação Cultural, a Avenida Tiradentes estará interditada no trecho que compreende a Rua Dona Margarida, de sábado, às 14 horas, até o domingo, às 18 horas. Para a Virada no Museu e Biblioteca Central, a Rua João Lino será interditada entre as ruas Santa Bárbara e Dona Margarida, no domingo, das 7 às 13 horas.

 

A Virada Cultural Paulista é uma realização do Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura, em parceria com a Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste, com apoio do Ministério da Cultura, por meio do Fundo Nacional de Cultura e da Lei Rouanet, SESC-SP, Risadaria e Fundação Romi. O evento é produzido pela APAA – Associação Paulista dos Amigos da Arte. Mais informações no site da Virada: www.santabarbara.sp.gov.br/viradasb.

 

Comentários