SÃO PAULO FC, DO TÉCNICO MARCOS VIZOLLI, BUSCA RECUPERAÇÃO NA COPA PAULISTA DIANTE DO XV

O São Paulo FC, do técnico Marcos Vizolli, busca recuperação na Segunda Fase da ‘Copa Paulista – 2017’, enfrentando o XV de Piracicaba, nesta quarta-feira (27 de setembro), às 20h00 (de Brasília), no estádio Municipal Barão de Serra Negra, em Piracicaba (SP), pela rodada de número dois. Na jornada de abertura desta etapa, o Tricolor foi superado pela Portuguesa de Desportos (1 a 0).

 

E, o treinador são-paulino confia na sua equipe, mesmo sabendo que será um duelo difícil para os garotos que compõem a equipe. “Jogo muito difícil, fora de casa, pois vamos encarar o líder, que montou uma excelente estrutura para disputar esta competição, com jogadores experientes. Estou muito confiante, uma vez que jogamos contra a Portuguesa, que é um time também que chamou muito atenção pela pontuação na fase anterior, mas que poderíamos ter conseguido o empate (0 a 0 ou 1 a 1)”, analisou Vizolli.

 

“Agora, contra o XV vamos novamente com os garotos, time jovem, que está em busca de rodagem e experiência. Sem dúvida, esperamos conseguir um bom resultado, confio nisso”, acrescentou o ex-volante.

 

No início de sua carreira, na temporada 1988/1989, Vizolli atuou no XV de Piracicaba, emprestado pelo São Paulo FC, e guarda excelentes recordações deste período. “Era muito jovem e foi uma passagem muito boa, pois atuei com jogadores experientes, a parte defensiva, por exemplo, era formada pelo Juninho Fonseca, Pedro Paulo, Ruben Futenbach e tinha o Rocha, além do Quinho, o Edmilson e o Newton, no meio e na frente, que também vieram do São Paulo FC, assim como o técnico José Carlos Serrão. O que me chamou mais a atenção foi a torcida do XV, quando atuávamos em casa, sempre estávamos em uma boa condição por conta dela”, relembrou.

 

“Foram excelentes treinadores lá, como o Serrão, que já citei, e o Mário Travaglini. Cidade muito boa para se jogar e morar, que me deixou com excelentes recordações. Além disso, lá tinha o meu ídolo, o Chicão. Outros jogadores que foram bem no São Paulo FC eram de Piracicaba, como o Pianelli e o Ademir”, finalizou Vizolli.

 

Foto: Divulgação

Comentários