Salmón de Chile reúne médicos da Sociedade Brasileira de Cardiologia para tratar dos benefícios do pescado para o coração

De acordo com levantamento recente realizado pela GfK Consumer Life, agência global especializada em pesquisas sobre tendências de consumo, os brasileiros são os mais engajados quando o assunto é a busca por uma dieta saudável.

Entre as mudanças de comportamento no Brasil apontadas pela GfK, destacam-se a redução do consumo de açúcar, sal, cafeína e carboidratos; e o aumento da frequência na compra de alimentos ricos em fibras e enriquecidos com vitaminas e minerais, priorizando itens comprovadamente saudáveis como o salmão.

 

De olho nessa tendência, a Salmón de Chile, associação que promove o salmão chileno no Brasil, reuniu médicos da Sociedade Brasileira de Cardiologia em um encontro que destacou os benefícios do consumo do salmão ao coração. A ação integra as atividades da marca no Brasil, que, além de promover a versatilidade do pescado, trata de seus benefícios nutricionais.

 

Na ocasião, o presidente do comitê da Salmón de Chile, Igal Neiman, falou sobre as altas propriedades nutritivas do salmão aliadas à redução do risco de doenças cardiovasculares.

 

Rico em Ômega-3, ácido-graxo conhecido como “gordura do bem”, o salmão ajuda a equilibrar os níveis de colesterol, preservando a flexibilidade das artérias e a força muscular do coração. Além dos benefícios voltados à saúde cardiovascular, o pescado também atua na redução do desenvolvimento de doenças neurológicas, como Parkinson e Alzheimer; promove o fortalecimento do metabolismo ósseo, evitando doenças como a osteoporose; e auxilia na mineralização dos dentes e no reforço muscular do corpo.

 

“Promover um jantar a profissionais de tamanha relevância para a área de saúde foi uma oportunidade extraordinária para a Salmón de Chile, pois trabalhamos para ampliar a repercussão desses importantes dados a respeito dos benefícios do salmão chileno para os consumidores cada vez mais comprometidos com a escolha de produtos saudáveis. Foi uma celebração à saúde”, comemora Melanie Whatmore, da associação.

 

Selo de Origem Salmón de Chile 

O salmão chileno é internacionalmente reconhecido por suas altas qualidades nutricionais. Seu cultivo está concentrado ao sul do Chile, país privilegiado por suas excelentes condições de clima e solo e referência em segurança alimentar e no desenvolvimento de novas tecnologias na indústria mundial de alimentos.

 

Salmón de Chile

De uma parceria entre ProChile – Direção de Promoção de Exportações, órgão vinculado ao Ministério de Relações Exteriores do Chile – e a indústria de salmão chilena, nasce, em  2012, a Associação Salmón de Chile, idealizada para promover e potencializar o consumo do salmão no mundo. O Brasil foi o país escolhido para o início de suas ações por ser o mercado com melhores projeções para a venda do produto sendo, atualmente, o terceiro mais importante para a indústria. A associação tem como principal objetivo tornar o consumo de salmão um verdadeiro estilo de vida para seus consumidores. Mais informações www.salmondechile.com