Brasil / Mundo

Rodovia dos Bandeirantes é a melhor do país segundo CNT

Pelo sétimo ano consecutivo (2012 a 2018), a Rodovia dos Bandeirantes (SP 348), administrada pela CCR AutoBAn, conquistou o primeiro lugar na Pesquisa CNT de Rodovias

 

Pesquisa divulgada hoje (17) pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) apontou a Rodovia dos Bandeirantes (SP 348), administrada pela CCR AutoBAn por meio do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo, como a melhor do país pelo sétimo ano consecutivo (2012 a 2018). Também em ótimo estado de conservação, a Via Anhanguera (SP 330), sob gestão da CCR AutoBAn entre São Paulo e Cordeirópolis, está – assim como no ano passado – na quarta colocação. Já a Rodovia Dom Gabriel Paulino Bueno Couto (SP 300), cujo trecho de 2,6 quilômetros em Jundiaí é administrado pela CCR AutoBAn, aparece na nona colocação.

 

O Sistema Anhanguera-Bandeirantes, administrado pela CCR AutoBAn nos últimos 20 anos, sempre esteve entre as dez melhores rodovias do país segundo a CNT. Neste período, a concessionária já investiu mais de R$ 7 bilhões em obras de melhoria e modernização do sistema.

 

A Rodovia dos Bandeirantes conta com aproximadamente 160 quilômetros de extensão, ligando São Paulo a Cordeirópolis, no interior do Estado, passando pelas regiões de Jundiaí e Campinas. São registradas, em média, 500 mil viagens por dia. A rodovia completa no próximo dia 28 de outubro 40 anos de inauguração do trecho entre São Paulo e Campinas.

 

 

Sobre a CCR AutoBAn

A CCR AutoBAn é a concessionária responsável pela administração do Sistema Anhanguera-Bandeirantes, celebrando, neste ano, 20 anos à frente das rodovias consideradas as melhores do País por pesquisas especializadas do segmento. Durante esses 20 anos de trajetória, já investiu R$ 7,3 bilhões em obras e melhorias que trouxeram desenvolvimento, segurança e conforto para a região e orgulha-se por ter obtido, como principal resultado, redução significativa nos índices de acidentes (-46,2%), feridos (-34,2%) e mortes (-80,9%). A concessionária gerencia 319,8 quilômetros de rodovias, compreendendo a SP-330 (Via Anhanguera), de São Paulo a Cordeirópolis, com extensão de 147,04 quilômetros; a SP 348 (Rodovia dos Bandeirantes), de São Paulo a Cordeirópolis, com 159,67 quilômetros de extensão; a SP-300 (Rodovia Dom Gabriel Paulino Bueno Couto), com extensão de 2,6 quilômetros e a interligação SPI-102/330 (Rodovia Adalberto Panzan), com extensão de 7,44 quilômetros. É responsável também pela conservação de um trecho da Marginal Tietê entre o acesso da Rodovia dos Bandeirantes e o Cebolão.

 

Sobre o Grupo CCR

Fundado em 1999, o Grupo CCR é uma das maiores companhias de concessão de infraestrutura da América Latina. Dividida em quatro núcleos de negócio, CCR Rodovias SP, CCR Rodovias BR, CCR Mobilidade e CCR Aeroportos, a empresa detém concessões nos principais modais em operação no País. Pioneira no segmento de concessões de rodovias no Brasil, a companhia é hoje uma das cinco maiores do mundo e atua com dez concessionárias de rodovias pelo país, CCR NovaDutra, CCR ViaLagos, CCR RodoNorte, CCR AutoBAn, CCR ViaOeste, CCR RodoAnel, CCR SPVias, Renovias, ViaRio e CCR MSVia, totalizando 3.265 quilômetros concedidos em São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul e Paraná. No seu portfólio constam as rodovias consideradas melhores e mais seguras por anos consecutivos nos rankings especializados, tendo conquistado importantes índices de redução de acidentes fatais. Em transporte de passageiros, com a conquista, no início de 2018, da concessão das Linha 5 – Lilás do metrô de São Paulo e do monotrilho da linha 17 – Ouro, o grupo consolida sua atuação no segmento, gerindo importantes empresas responsáveis por mais fluidez, segurança e conforto em grandes vias urbanas. São elas: ViaQuatro, VLTCarioca, CCR Barcas e CCR Metrô Bahia, com negócios nas capitais paulista, fluminense e baiana, respectivamente. Já em concessões aeroportuárias, o Grupo CCR tem atuação internacional, com participação nos aeroportos de Quito (Equador), San José (Costa Rica) e Curaçao. No Brasil, possui a concessionária BH Airport, responsável pela gestão do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Minas Gerais. Em 2015, adquiriu a TAS (Total Airport Services), empresa norte-americana prestadora de serviços aeroportuários. Além do compromisso com a elaboração de projetos de infraestrutura para o País, a CCR também está atenta ao desenvolvimento sustentável das comunidades em que atua e aos seus 13 mil colaboradores. Nesse sentido, a empresa se tornou, em 2011, signatária do Pacto Global da ONU e, consequentemente, assumiu os compromissos nele firmados. A empresa também segue, pelo sétimo ano consecutivo, na carteira do ISE (Índice de Sustentabilidade Empresarial) da B3 e possui o Instituto CCR por meio do qual promove projetos sociais, culturais, ambientais e esportivos nas regiões onde atua levando desenvolvimento social para milhares de pessoas. Com mais de 20 anos de trajetória, possui o reconhecimento dos mercados nacional e internacional em função de sua trajetória de sucesso e da adoção constante das mais rígidas regras de governança corporativa que pautam sua atuação e estão reunidas no Programa de Integridade e Conformidade da companhia.

Comentários
Redação
Criado e desenvolvido por Dennis Moraes, o site SB24horas surgiu em 08 de janeiro de 2013. Após um tempo na cobertura de eventos, criou o portal com o objetivo de levar a informação regional ao mundo, através da web. Atualmente o portal ultrapassou a marca de 350 mil visualizações mensais. Nossa Visão Ser reconhecida pelo maior número de pessoas e se tornar referência entre os meios de comunicação da Região Metropolitana de Campinas, com o pioneirismo da TVWeb. Nossos Valores Compromisso com a verdade; Apuração dos fatos; Compromisso com a qualidade; Transparência, integridade e idoneidade; Comportamento ético; Responsabilidade com o público;
http://sb24horas.com.br