Raphael Veiga quer se firmar no Palmeiras

Foto:  Cesar Greco / Agência Palmeiras

Sem perder há quatro jogos no Campeonato Brasileiro, o Palmeiras terá pela frente nesta quarta-feira (02) a partida contra o Botafogo, às 21h45, no Nilton Santos. Sem poder contar com o meia Guerra, o técnico Cuca pode escalar Raphael Veiga, que em entrevista coletiva destacou estar pronto caso receba a chance de atuar.

“Venho treinando bastante, sabia que precisava treinar muito para as oportunidades aparecerem. Quero jogar sempre, treino para jogar. Quando entro, o Cuca fala para fazer mais ou menos a função do Guerra. Acho que temos algumas funções iguais, mas outras não. Mas, se ele optar por mim, farei o melhor”, falou.

O jogador de 22 anos, que veio do Coritiba para atuar no time alviverde nesta temporada, entrou no decorrer das últimas três partidas do clube paulista e fez a assistência para o segundo gol do time na última vitória contra o Avaí. Buscando o seu espaço entre os titulares, o meia ressaltou o empenho dado para evoluir nos treinamentos.

“Tenho de treinar em um nível mais elevado do que posso. Primeiramente para me preparar para jogar um tempo curto quando entrar, pois é mais difícil. Se você não está com ritmo, você cansa mais rapidamente. Converso com a preparação física para treinar com um nível alto para chegar o mais próximo possível de quem está jogando”, disse.

 

FPF