Raízen anuncia reabertura da Usina Bom Retiro em gabinete do prefeito Rodrigo

Raízen, maior produtora de açúcar do mundo, retomará as operações da usina Bom Retiro em Abril de 2017, utilizando a chamada cana energia, uma variedade mais produtiva, com os preços futuros da commodity mais altos no mercado global do que estavam em 2015, quando as atividades na unidade foram paralisadas. O anuncio foi feito pelos representantes da empresa, no gabinete do prefeito Rodrigo Proença, na tarde da última segunda-feira, 21.

As contratações devem começar já no mês que vem. Ao todo serão 225 vagas disponíveis em diversos setores. A unidade foi paralisada por conta de problemas com a oferta da cana na área. A Raízen opera com mais quatro usinas em nossa região.

 

“Eles vão moer 500 mil toneladas no primeiro ano, aumentando para 1 milhão de toneladas em 2018”, afirmou o presidente da Vignis, Luis Claudio Rubio. Quando parou as operações, a unidade tinha capacidade de moagem de cerca de 1,4 milhão de toneladas por ano. A empresa utilizará uma variedade de cana diferente da tradicional no projeto, conhecida como cana energia. Ela é mais fina que a cana-de-açúcar comum, mas pode produzir até o dobro por hectare.

 

Segundo Rubio, a Raízen pretende usar a unidade Bom Retiro como um projeto-piloto para testar a nova variedade, de olho na possibilidade de no futuro ampliar o uso da cana energia para mais unidades em suas 24 usinas no Brasil.

 

Para o prefeito Rodrigo, a retomada da usina vai melhorar a economia local, gerando emprego, renda e consumo. Proença afirma que está à disposição da empresa, para que o processo seletivo seja realizado em nossa cidade. “Estamos negociando com a empresa para conseguir empregar o maior número possível de capivarianos nessa retomada de serviços”, disse. O prefeito contou que está muito contente com essa notícia.

Aos interessados em enviarem seus currículos (sem compromisso) segue o e-mail: vagas@raizen.com

Comentários