Projetos Habitacionais de Americana são discutidos em Brasília

Kim levou três pautas da cidade para a reunião do Conselho das Cidades

 

Na última terça-feira, dia 27 de junho, três demandas do munícipio de Americana, sendo elas, Jardim da Mata, Minha Casa Minha Vida e Conjunto Habitacional Vida Nova I e II, foram discutidas em Brasília durante a 5ª Reunião Extraordinária do Conselho das Cidades que teve como pauta habitação.

Convocado para discutir as questões do Conselho das Cidades Marco Antônio Alves Jorge, o Kim, é um dos quatro vereadores do Brasil eleitos Conselheiros e esteve presente debatendo e buscando recursos para melhoria dos projetos em nossa cidade.  O vereador deu destaque à prorrogação de convênios com o Ministério das Cidades, resultantes da pavimentação do bairro Jardim da Mata.

Outra demanda abordada pelo vereador foi sobre os projetos habitacionais em andamento. Em um breve encontro com a secretária nacional de Habitação, Maria Henriqueta Arantes Ferreira Alves, Kim, discutiu a possibilidade de elevar os valores de repasse dos projetos do Minha Casa Minha Vida (MCMV). O valor original repassado para a construção de cada unidade era R$ 76.000,00, o valor novo chegará a R$ 92.000,00 por unidade.

“Conversei pessoalmente com secretária nacional de habitação, que se manifestou favorável à autorização de extensão do valor de repasse para as obras, isso será muito bom para os projetos contratados aqui em Americana, que deverão iniciar as obras em breve”, completa Kim. O vereador também acentuou sobre os projetos do Conjunto Habitacional Vida Nova I e II, obras que estão sendo concluídas e que logo serão entregue às famílias contempladas.

 

Jardim da Mata – Uma força tarefa vem sendo feita entre a prefeitura e a COOPERTETO, que representa as famílias do bairro, para facilitar a obtenção de escritura e também a prestação de contas do uso do dinheiro para a realização de obras de infraestrutura da região. O prazo estipulado pelo Governo Federal estava se esgotando e poderia acarretar em uma multa de até R$ 4 milhões para o munícipio. Em Brasília Kim fez o pedido para viabilizar a prorrogação desse prazo.

Na manhã da última quarta-feira, dia 28 de junho, o vereador foi informado que o pedido de prorrogação de prazo foi acatado e um novo prazo foi concedido.  Agora o prazo segue até o final do ano para a conclusão dos trabalhos no bairro Jardim da Mata.  “Essa é uma vitória importante e que já deu para sentir o resultado imediato da nossa ida para a reunião do Conselho, outras ainda virão.”, afirma Kim.

 

Comentários
Posted Under