24Horas

Presos no Maranhão têm até videogame

Videogame Playstation 2 dentro de celo de Pedrinhas. Foto: Ministério Público do Maranhão

Inspeções do Ministério Público do Maranhão apontam que presos tinham até Playstation 2 dentro das celas. Na lista de jogos encontrados, estava o polêmico GTA

Investigações do Ministério Público do Maranhão (MP-MA) sobre irregularidades ou violações aos direitos humanos no Complexo Prisional de Pedrinhas, em São Luís, apontam que entraram ilegalmente em presídios maranhenses desde aparelhos de televisão de 14 polegadas até videogames Playstation 2

Na lista de games que os detentos jogavam dentro das prisões, conforme informação de agentes penitenciários, estavam jogos de futebol (Fifa) e da série Grand Theft Auto, conhecido como GTA. O GTA é um jogo que retrata cidades fictícias dominadas por facções criminosas e por gangues. O jogador é protagonista de um enredo que envolve atividades ilegais como tráfico de drogas, assassinatos e prostituição.

De acordo com o promotor responsável pelas investigações, Pedro Lino Curvelo, durante o ano passado o Ministério Público flagrou situações como a existência de quatro televisores de 14 polegadas, em uma cela que tinha cinco detentos. Também foram encontrados outros aparelhos eletrônicos como rádios, aparelhos de DVD e um Playstation 2. Durante a inspeção, inclusive, os presos estavam jogando uma partida de futebol no videogame. Em apenas uma cela, foram encontrados mais de 20 DVDs piratas com vários títulos de filmes de ação e de faroeste.

Ministério Público do Maranhão

Aparelho de TV e videogame Playstation 2 dentro de celo de Pedrinhas

Esses materiais estavam na Casa de Detenção (Cadet), unidade do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde ocorreu a maior rebelião durante o ano passado, em outubro, com saldo de nove mortos. Segundo o promotor Pedro Curvelo, existe uma suspeita de que o material entrou nos presídios com a permissão de uma empresa terceirizada que faz o monitoramento das cadeias maranhenses.

“O problema de situações como essa é que quando um preso de outra cadeia que faz parte de Pedrinhas sabe da entrada desses itens eletrônicos, ele enxerga como direito e também quer ter acesso a TV e DVDs”, disse o promotor.

No final do ano passado, após a morte e decapitação de três detentos, a Polícia Militar fez uma varredura em Pedrinhas onde foram apreendidos celulares e munições. Entretanto, uma semana depois, após uma nova inspeção, a PM voltou a encontrar revolveres, facas, dois aparelhos de DVD e seis televisores.

Além disso, segundo informações do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Maranhão (Sindspem), um refrigerador também já foi encontrado ilegalmente em Pedrinhas no início deste ano. “Quem manda ali são os presos. Entra qualquer coisa no Complexo de Pedrinhas”, disse Cézar Castro, vice-presidente do Sindspem.

Desde o início do ano passado, o MP-MA instaurou seis inquéritos para apurar irregularidades existentes no Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Além da entrada de aparelhos eletrônicos, o MP também investiga a permissão para a entrada de comida de forma ilegal nas unidades prisionais do Maranhão. Segundo o promotor, isso abre brecha não somente para presos terem acesso a facas, como facilita a entrada de outros itens como aparelhos celulares. No ano passado, um celular foi escondido dentro de um frango cru.

Também existe uma suspeita de que presos explorem a atividade comercial dentro de Pedrinhas, com a existência de mercados dentro das unidades prisionais. No ano passado, o governo do Estado negou a existência de um supermercado, embora tenha reconhecido “casos isolados” de detentos que exerciam a atividade comercial dentro de Pedrinhas.

 

IG

Comentários
Redação
Criado e desenvolvido por Dennis Moraes, o site SB24horas surgiu em 08 de janeiro de 2013. Após um tempo na cobertura de eventos, criou o portal com o objetivo de levar a informação regional ao mundo, através da web. Atualmente o portal ultrapassou a marca de 350 mil visualizações mensais. Nossa Visão Ser reconhecida pelo maior número de pessoas e se tornar referência entre os meios de comunicação da Região Metropolitana de Campinas, com o pioneirismo da TVWeb. Nossos Valores Compromisso com a verdade; Apuração dos fatos; Compromisso com a qualidade; Transparência, integridade e idoneidade; Comportamento ético; Responsabilidade com o público;
http://sb24horas.com.br