Prefeitura de Santa Bárbara d´Oeste gasta R$ 128,1 mil com aluguel de 24 imóveis

Em resposta ao requerimento formulado pelo vereador José Antonio Ferreira, o Dr. José (PSDB), sobre gastos da Administração Municipal com o pagamento de aluguel de imóveis particulares, o secretário de Governo, Rodrigo Maiello, informou que, atualmente, Santa Bárbara d’Oeste gasta o montante de R$ 128.115,72, com o aluguel de 24 imóveis.

Vereador Dr. José PSDB

A resposta ressalta que o município tem priorizado a reforma e a recuperação de próprios públicos, além de firmar contratos de aluguéis de imóveis com valores menores para abrigar serviços e setores da Administração. Além disso, a Prefeitura preza pelo bom atendimento dos munícipes e da infraestrutura adequada para o trabalho do servidor municipal.

Segundo a Secretaria de Administração, de janeiro a abril deste ano, todos os contratos vigentes foram reavaliados visando reduzir os valores pactuados, inclusive contratos de locação, o que propiciou significativa redução de pagamento de alugueis em relação à gestão anterior.

Relatório Aluguéis Vigentes

1 – Centro de Atenção Psicossocial – Rua Floriano Peixoto, 5 – R$ 10.861,35

2 – Almoxarifado Saúde – Medicamentos – Rua Henrique Wiezel, 755 – R$ 4.250,00

3 – Almoxarifado Saúde – Medicamentos – Rua Henrique Wiezel, 735 – R$ 4.250,00

4 – Referência à Saúde da Mulher – Rua XV de Novembro, 1157 – R$ 2.000,00

5 – Centro de Especialidades Médicas – Rua Inácio Antonio, 453 – R$ 16.957,77

6 – Companhia de Polícia Militar – Rua Maranhão, 278 – R$ 9.309,09

7 – Centro de Referência e Assistência Social – Rua Antonio T. Miranda, 543 – R$ 853,20

8 – Incubadora de Empresa – Rua Tupis, 1633 – R$ 7.300,00

9 – Centro POP – Rua Peregrino de Oliveira Lino, 543 – R$ 2.900,00

10 – CEJUSC – Avenida dos Bandeirantes, 564 – R$ 2.680,37

11 – Núcleo de Atendimento Social  – Rua Coronel Hélio Caldas, 132 – R$ 1.811,88

12 – Oficina/Marcenaria Educação – Rua Floriano Peixoto, 1283 – R$ 2.500,00

13 – Centro de Treinamento de Tênis de Mesa – Rua XV de Novembro, 1076 – R$ 3.000,00

14 – Conselho Tutelar – Rua Dante Tortelli, 106 – R$ 2.860,07

15 – Núcleo de Atendimento Social – Rua Goiânia, 580 – R$ 3.077,30

16 – Secretaria de Desenvolvimento – Rua Riachuelo, 733 – R$ 14.662,82

17 – Núcleo de Atendimento Social – Rua da Platina, 296 – R$ 2.800,00

18 – Execução Fiscal – Rua Dona Margarida, 997 – R$ 3.250,00

19 – Cartório Eleitoral – Rua Tupis – R$ 8.300,00

20 – Ciretran – Rua Inácio Antonio, 717 – R$ 6.854,11

21 – Anexo Fiscal do Fórum – Rua Dante Tortelli, 315 – R$ 2.722,57

22 –  Transporte Escolar – Rua Terezinha de Arruda Campos, 64 – R$ 6.500,00

23 – Delegacia da Mulher – Rua General Osório, 403 – R$ 2.950,00

24 – Vigilância Sanitária – Rua General Osório, 266 – R$ 5.465,19

Desse total, pelo menos seis prédios, onde funcionam serviços do Governo do Estado, têm o aluguel custeado pelo município.

“Quanto menos precisar locar imóveis particulares é melhor. Em comparação com último questionamento que fiz em 2015, a Prefeitura economizou com alugueis. Na época, a resposta foi que o município gastava R$ 145,6 mil por mês com aluguel de 37 imóveis, incluindo sete de aluguel social. Nessa resposta, não consta nenhum gasto com aluguel social”, afirmou Dr. José.