Piracicaba: 11º Fentepira encerra com balanço positivo


Com programações gratuitas, a 11ª edição do Fentepira (Festival Nacional de Teatro de Piracicaba) e a 23ª Mostra de Teatro Estudantil chegaram ao fim com público total de 6,5 mil participantes. Foram mais de 30 ações realizadas em sete pontos da cidade que concretizaram os objetivos dos eventos de promover grupos teatrais, popularizar as artes cênicas e estimular a troca de ideias.

 

Realizado pela Prefeitura do Município de Piracicaba, por meio da Semac (Secretaria Municipal da Ação Cultural) e com o apoio de entidades, o Fentepira recebeu 4,5 mil pessoas em suas atividades culturais: 10 encenações da mostra oficial, duas apresentações convidadas, dois cafés pós dramáticos e uma esquete. As ações ocorreram entre os dias 5 e 12 de novembro.

 

Já a Mostra de Teatro Estudantil reuniu cerca de 2 mil espectadores em 18 espetáculos de Piracicaba, Boituva, Quadra, Santo André, Sarapuí e Pinhais (PR). As peças foram apresentadas entre 31 de outubro e 4 de novembro.

 

Os curadores Valdir Rivaben e Maria Eugênia De Domênico montaram a programação da mostra oficial do Fentepira com espetáculos de Piracicaba, Itapira, Jacareí, São José do Rio Preto, São Paulo, Caxias do Sul (RS), Caicó (RN) e Rio de Janeiro (RJ), entre os 225 inscritos, de 73 cidades brasileiras em 13 estados e Distrito Federal.

 

Após as apresentações, os grupos e o público participaram de debates com a curadora Maria Eugênia De Domênico e Luah Guimarãez, com mediação do curador Valdir Rivaben.

 

“Os artistas que se apresentaram tiveram a oportunidade de visibilidade de seus trabalhos e troca de experiências com os debates após cada espetáculo, além de possibilitarem acesso ao público a montagens complexas e ricas em conteúdo cultural e social. O Fentepira, referência no segmento nacional, com certeza terá vida longa por muitos anos”, comemora Rosângela Camolese, secretária da Ação Cultural que, em sua primeira gestão à frente da Semac, implantou o festival.

Comentários