Paraquedistas quebram novo Recorde Latino com 107 saltos cada em um dia

Na última terça feira (20) foi um dia incrível para o paraquedismo Nacional, dia de muita luta, dificuldades, espírito de equipe e no final um Novo Recorde Latino 107 saltos (cada atleta) em um dia.

Os saltos foram realizados na cidade de Boituva no Centro Nacional de Paraquedismo, com supervisão da Confederação Brasileira e Latino Americana.

Os envolvidos nos saltos eram os Recordistas nessa modalidade, o Americanense Edson Ricardo Rossi (Terror), o Carioca Luiz Henrique Tapajós (Sabiá) e o Rioclarense Ricardo Fragnani (Saguí).

As 6h13  iniciou a primeira decolagem, tudo transcorrendo como o previsto, primeira parada de 15 minutos, (para um rápido descanso) no salto de número 55, retomaram ao saltos, quando no salto 65, Terror teve um entorse no pé na hora do pouso, tentou continuar, mas no 66 teve que ser avaliado pelo médico que determinou a parada pra não piorar.

Todos pensaram em parar em respeito ao amigo, pois o Recorde já eram deles, mas Terror foi o maior incentivador para que eles continuassem dizendo aos amigos “Recorde foram feitos para serem quebrados, isso é que faz nosso esporte evoluir, em respeito a mim, continuem e estabeleçam uma nova marca”.

Aí foram a dupla Sabiá e Saguí, voltaram as atividades e no final do dia Sabiá e Saguí estabeleceram o novo Recorde Latino Americano do Maior Número de Saltos em um Dia, agora 107.  No último salto, Terror se juntou aos amigos (mesmo com o pé machucado) para comemorar a nova marca e fazer a foto do feito, clicada por Rick Neves.

Um dia de muita luta, história, companheirismo e amizade.

 

 

Comentários