Pacientes do Boldrini se encantam com oficina de música

Evento aconteceu ontem (20/03) na Brinquedoteca do hospital e faz parte do Festival de Música Contemporânea Brasileira

 

Quem passou pela brinquedoteca do Centro Infantil Boldrini ontem pela manhã pôde perceber que algo diferente acontecia por lá. Fichas coloridas, bambolês e até uma bateria foi levada para o espaço que contou com a presença dos pacientes para uma atividade musical diferente. A ação faz parte do Festival de Música Brasileira Contemporânea, evento que acontece em diversos pontos de Campinas até o próximo dia 24 com homenagens aos artistas Egberto Gismonti e Maísa Rezende, dois grandes nomes da música contemporânea no Brasil.

A oficina de música foi ministrada por Junior Cadima e João Rilton e superou as expectativas. O objetivo era levar descontração e atividades musicais às crianças portadoras de câncer e doenças no sangue em tratamento no hospital. “A proposta de levar atividades musicais estabelece uma conexão com os pacientes, auxiliando de forma lúdica e prazerosa no tratamento. Utilizamos a música como ferramenta para o processo de aquisição do conhecimento, desenvolvimento e aprendizagem”, ressalta Junior Cadima que é psicopedagogo e trabalha com neurociência aplicada à educação.

As atividades envolveram o trabalho com o corpo, fichas coloridas, bambolês e até uma vivência com bateria, estimulando a parte rítmica e os movimentos corporais de maneira lúdica.

 

Sobre o Centro Infantil Boldrini

Centro Infantil Boldrini ? maior hospital especializado na América Latina, localizado em Campinas, que há 40 anos atua no cuidado a crianças e adolescentes com câncer e doenças do sangue. Atualmente, o Boldrini trata cerca de 10 mil pacientes de diversas cidades brasileiras e alguns de países da América Latina, a maioria (70%) pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Um dos centros mais avançados do país, o Boldrini reúne alta tecnologia em diagnóstico e tratamento clínico especializado, comparáveis ao Primeiro Mundo, disponibilidade de leitos e atendimento humanitário às crianças portadoras dessas doenças. www.boldrini.org.br

Comentários
Posted Under