Brasil / Mundo

Núcleo de Danças Venícius Passos representará o Recife dançando Michael Jackson na Disney, em Orlando

A escola viajará no dia 6 de setembro com 11 bailarinos para se apresentar pela primeira vez no Disney Performing Arts. Eles embarcam com a Qualité Turismo, responsável por levar mais de 30 escolas para se apresentar no programa da Disney e que prepara novos projetos de dança para 2019.

Dançar na Disney parece um sonho, não é mesmo? Mas os bailarinos da Núcleo de Danças Venícius Passos, do Recife, vão realizar este sonho e representarão Pernambuco e o Brasil embarcando para Orlando, nos Estados Unidos, no dia 6 de setembro. A escola, com 11 dos seus bailarinos, se apresentará no Disney Performing Artse viajará com a Qualité Turismo, empresa responsável por levar mais de 30 escolas para se apresentar na Disney, e que prepara para setembro de 2019 o ‘Magical Dance Tour’, com muitas novidades que ainda serão divulgadas ao longo deste ano. 

“É a primeira vez que a nossa escola participará deste programa. Estamos com uma grande expectativa, para nós a ficha ainda não caiu. É como unir a realização de um sonho e ter nosso trabalho reconhecido pelos melhores produtores de espetáculos do mundo. Estamos muito felizes e sentindo muito honrados. Temos uma grande responsabilidade em representar nossa cidade, Estado e país”, fala o diretor e coreógrafo Venícius Passos, que revela ainda que será um ”divisor de águas”: “Ter um trabalho reconhecido internacionalmente é muito importante, só prova que estamos no caminho certo.”

Para a apresentação em Orlando, o Núcleo de Danças Venícius Passos está levando 11 bailarinos, com faixa de idade variada, dos 15 aos 30 anos, que vão subir ao palco com o espetáculo “Eternamente Michael Jackson”. 

Preparação intensa e muitos ensaios

Antecipando um pouco do que apresentarão na Disney, Venícius conta que a preparação e os ensaios foram intensos para o momento tão esperado. Ele revela também quais músicas fazem parte do repertório. “Selecionamos as músicas mais marcantes do Michael Jackson, como Thriller, Beat it, Billie Jean, The way, I want you back, entre outras; assim foi feito um medley. Temos coreografias de Jazz, street jazz, ballet clássico, moderno e street dance. Nossa preparação envolveu uma carga horária de ensaios de três a quatro horas por dia, de segunda a sábado”, fala o diretor. 

Venícius completa: “Estamos muito felizes e trabalhando muito pra que tudo dê certo, esperamos fazer um lindo espetáculo e contando as horas pra pisar no palco, com certeza será uma experiência incrível.”

Parceria da Qualité Turismo com a Disney é sucesso também em 2018

2017 foi um ano mais do que incrível para a Qualité Turismo. A agência se consagrou como um dos maiores representantes oficiais da América Latina do programa Disney Performing Arts, Intercâmbio cultural com o selo de qualidade Disney, que busca incentivar escolas de dança e música de toda a parte do mundo para fazer parte do Showbiz do Walt Disney World. Apenas em 2017 a Qualité qualificou 14 escolas de dança espalhas pelo Brasil para se apresentarem maior complexo de entretenimento do mundo e fazerem parte do programa.

Não é tão simples como muitos pensam participar do ‘Disney Perfoming Arts’, o programa atende aos padrões estabelecidos no National Core Arts Standards imposto pela Disney. Além da apresentação inesquecível no Disney Springs, o programa incluí também workshops opcionais ministradas por profissionais especializados do Walt Disney World”, explica a diretora da Qualité Turismo, Fabiana Carvalho.

Fabiana ressalta ainda que o sonho dos dançarinos que participam do programa não para em Orlando. Com a Qualité Turismo é possível seguir se apresentando em outros palcos da Disney pelo mundo: “O diferencial do programa Disney Performing Arts oferecido pela Qualité Turismo é que os grupos têm a oportunidade de seguir em um plano de carreira e se apresentar na Califórnia, nos Estados Unidos, Paris, na França e Hong Kong, na China.”

E Fabiana promete mais novidades envolvendo turismo e dança: “Para 2019 estamos organizando uma surpresa grandiosa envolvendo a dança. Queremos cada vez mais incentivar nossos bailarinos e dançarinos brasileiros e mostrar o potencial deles”.

Sobre o Disney Performing Arts

Os bailarinos das escolas aprovadas para participar Disney Performing Arts – no caso do Brasil a maioria entre 10 a 18 anos, apesar de não haver restrição de idade, adultos são muito bem-vindos – têm a chance de vivenciar a experiência de ser um artista da Disney.

A empresa abre a pauta do palco principal do Disney Springs para que escolas do mundo inteiro possam dançar de 15 a 30 minutos. Em contrapartida, oferece workshops com os coreógrafos dos musicais. “Eles ficam nos hotéis Disney, vão nos parques e presenciam in loco o que aprenderam na sala de aula. Por exemplo, aprendem no workshop uma coreografia do Rei Leão e depois a assistirão no musical apresentado no Animal Kingdom”, conta a diretora, Fabiana Carvalho.

Comentários
Redação
Criado e desenvolvido por Dennis Moraes, o site SB24horas surgiu em 08 de janeiro de 2013. Após um tempo na cobertura de eventos, criou o portal com o objetivo de levar a informação regional ao mundo, através da web. Atualmente o portal ultrapassou a marca de 350 mil visualizações mensais. Nossa Visão Ser reconhecida pelo maior número de pessoas e se tornar referência entre os meios de comunicação da Região Metropolitana de Campinas, com o pioneirismo da TVWeb. Nossos Valores Compromisso com a verdade; Apuração dos fatos; Compromisso com a qualidade; Transparência, integridade e idoneidade; Comportamento ético; Responsabilidade com o público;
http://sb24horas.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.